Madeira Rodrigues quer virar a página

Dá boas-vindas a Ricciardi

• Foto: Fernando Ferreira

A entrada na corrida eleitoral de José Maria Ricciardi mexeu as peças no tabuleiro das eleições leoninas e o candidato Pedro Madeira Rodrigues passou ao ataque, num iniciativa de campanha à beira-rio, ontem, em Lisboa. Acompanhado por José Tomaz, o seu homem-forte para as modalidades – "no Sporting há sempre grande responsabilidade. Temos inúmeros títulos nas modalidades mas estamos limitados", garantiu o antigo campeão de andebol –, Madeira Rodrigues saudou a entrada de uma nova alternativa à liderança do Sporting. "Surpreende-me ter demorado tanto tempo. Cá estamos de braços abertos para o receber. Conhece bem o Sporting e é uma mais-valia", garantiu Madeira Rodrigues.

O antigo banqueiro admitiu ter entrado na corrida eleitoral por não reconhecer condições às restantes candidaturas, o que mereceu repúdio. "Sei que ele conhece bem os outros candidatos mas não me conhece a mim", atacou Madeira Rodrigues, que também teve a seu lado os ex-futebolistas Delfim e Ricardo.

A sugestão de alianças eleitorais foi aflorada pelo candidato, para garantir ter "o seu caminho". "Falámos com todos e não foi possível. Apresentámos um projeto coerente, uma equipa competente, o que é fundamental para agarrar os problemas que o Sporting tem", frisou. Neste momento são nove os candidatos à presidência do Sporting – "Agora é fácil. Quando foi preciso, disse presente", lembrou –, mas há um a quem dirigiu palavras duras, após sugestão de ser apoiado por Godinho Lopes. "Não me interessa falar do passado recente. É tempo de virar a página. São mentiras e puro desespero de Bruno de Carvalho, e já não sei o que ele há de mais inventar", finalizou Madeira Rodrigues.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.