Noite de nostalgia e 'regresso à capoeira' de Nani

Capitão do Sporting bisou diante de um adversário especial

Em 2005, ainda com 18 anos, Nani fazia o primeiro golo da carreira profissional diante do Boavista, ao serviço de um Sporting orientado por José Peseiro. Treze anos depois, os mesmos protagonistas e o agora capitão leonino a bisar (3-0) numa noite especial em que voltou a celebrar... com mortais, ele que havia dito que apenas o faria quando os golos fossem importantes.

Foi o segundo bis do internacional português nesta temporada, que já leva seis golos na presente temporada, tantos quanto Bruno Fernandes.

Nani marcou e voltou aos mortais num momento nostálgico


Nani bisou com este remate à entrada da área

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.