Nuno Saraiva para Proença: «Será que as reuniões em certos estádios lhe estão a toldar o raciocínio?»

Diretor de comunicação do Sporting reage a entrevista do presidente da Liga a Record

Pedro Proença criticou em entrevista a Record, esta quarta-feira, as intervenções dos diretores de comunicação dos clubes e Pedro Saraiva respondeu, no Facebook, ao presidente da Liga, deixando-lhe alguns conselhos. 


"O dr. Pedro Proença está muito preocupado com a corrosividade do que eu digo e com o tom dos meus decibéis. Diz o dr. Pedro Proença que não pode permitir estes "desvarios" e "irresponsabilidades", porque estes prejudicam a indústria.

Mas a cartilha de ódio, calúnia e insulto sancionada e patrocinada pelo presidente do Benfica fui eu que a inventei? O plano para dominar o futebol português, que está sob investigação criminal, fui eu que o desenhei? Será que sou eu que prejudico a indústria por defender o primado da verdade desportiva? Ó dr. Pedro Proença, então e os vouchers, os emails, os jogos para perder e outras traficâncias sobre as quais pouco ou nada diz de substantivo beneficiam em quê a indústria?

Talvez um dia se perceba porque é que o dr. Pedro Proença só fala do acessório e nunca do essencial, ou porque não comenta a vergonha em que um clube voltou a mergulhar o futebol português com lastro na imprensa internacional. Ou será que as reuniões em certos estádios lhe estão a toldar o raciocínio e a objectividade?

Permita-me um conselho, dr. Pedro Proença: em vez de estar preocupado em punir quem é mensageiro e tem a coragem de denunciar o que, verdadeiramente, faz desta indústria um espaço de promiscuidade, devia era castigar de forma severa e banir quem pratica verdadeiros crimes de lesa-futebol, e tem por único objectivo tranformá-lo a si numa espécie de meirinho da Federação Portuguesa de Futebol"


Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.