Os três motivos que levaram Bruno de Carvalho a recusar 40 milhões

Chineses do Tianjin Quanjian quiseram levar Bas Dost

• Foto: Movenoticias

Bruno de Carvalho rejeitou uma proposta milionária por Bas Dost, o melhor marcador do campeonato português, com 17 golos em 19 jogos. O Tianjin Quanjian tentou mas não conseguiu levar o internacional holandês, de 27 anos. Nem mesmo depois de ter feito chegar uma oferta formal, no valor de 40 milhões de euros.

Transferir Bas Dost por esse valor garantiria a Bruno de Carvalho a segunda maior transferência da história do Sporting, apenas superada pela de João Mário para o Inter Milão (45 milhões). Apesar deste 'aliciante, o líder leonino não quis sequer negociar, sustentando a recusa destes 40 milhões em três convicções: por entender que o Sporting não está ‘vendedor’; porque a equipa não pode perder o seu melhor goleador com a época em curso e objetivos por atingir; e pela dificuldade expectável em convencer Bas Dost a aceitar jogar no campeonato chinês.

Leia aqui a notícia na íntegra

Por António Adão Farias
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.