Prestação de Acuña também em atraso desde janeiro

Leões ainda não liquidaram a segunda tranche da transferência ao Racing

• Foto: Miguel Barreira

O atraso no pagamento da prestação de Battaglia, explicada em parte pelo braço-de-ferro com o Sp. Braga, não é o único caso pendente na tesouraria do Sporting. Isto porque, neste momento, os leões ainda não liquidaram a segunda tranche da transferência de Marcos Acuña ao Racing, situação que ontem já estava a ser noticiada na Argentina, na perspetiva de que o clube de Avellaneda poderia avançar com uma participação à FIFA.

O Sporting saldou logo em julho cerca de 8 milhões de euros por Acuña. O valor em dívida, agora, é de 1,65 milhões de euros (e não de 1,5 milhões, como foi referido no blog ‘Racing de Alma’), tendo vencido em janeiro. O assunto está a ser tratado com o Racing e ficará resolvido nos próximos dias. Em sentido inverso, refira-se, a SAD verde e branca tem dinheiro a receber por Shikabala (Zamalek), Elias (Atlético Mineiro) e André (Sport Recife).

Por Vítor Almeida Gonçalves e Alexandre Carvalho
83
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.