Bruno de Carvalho falou de rescisões e de Jorge Jesus numa sessão de esclarecimento que durou cinco horas

Presidente garante que quem avançar com essa medida terá de arcar com as "consequências"

A carregar o vídeo ...
Bruno de Carvalho sai de Alvalade após sessão de esclarecimento com sócios

Realizou-se este domingo, no Pavilhão João Rocha, em Lisboa, a primeira das três sessões de esclarecimento aos sócios do Sporting anunciadas na sexta-feira. Bruno de Carvalho chegou ao local, pelas 9H45, bem como Carlos Vieira e dezenas de adeptos, que esperaram o arranque da sessão que estava agendada para as 10 horas e arrancou às 10H30. A sessão prolongou-se até às 15H20, terminando com um "Viva o Sporting Clube de Portugal". Bruno de Carvalho saiu acompanhado dos restantes elementos do Conselho Diretivo rumo ao Jamor onde irá assistir à final da Taça de Portugal feminina entre Sporting e Sp. Braga (17H15).

A sessão começou pouco antes das 10H30 com um forte dispositivo policial e a presença de uma centena de associados e, além de BdC e do 'vice' Carlos Vieira, estiveram presentes todos os restantes membros do Conselho Diretivo não demissionários, à exceção de José Quintela. Fernando Carvalho, único membro do Conselho Fiscal e Disciplinar que não se demitiu, também está na mesa.

Nuno Saraiva, diretor de comunicação do Sporting, e o Fernando Correia, porta-voz da direção, entraram já perto das 11 horas.

Entretanto, os verde e brancos confirmaram a presença de 366 sócios na sessão de esclarecimento (o que corresponde a 1.595 votos).

Os primeiros sócios começaram a abandonar o Pavilhão cerca de uma hora depois do arranque da sessão, mas as portas só fecharam perto das 15h15, hora até à qual ainda ia entrando mais um ou outro associado. Tal como estava previsto, Bruno de Carvalho não fez qualquer intervenção inicial dando logo a palavra aos adepto.

Numa altura em que haviam passado já 4 horas do encontro, ainda existiam perguntas a colocar a Bruno de Carvalho. Segundo apurou Record, o líder foi questionado sobre vários temas, entre eles a reestruturação financeira, as rescisões de jogadores, situação de Jorge Jesus e ainda a Assembleia Geral agendada para 23 de junho.

Quanto aos jogadores, BdC não garantiu que não se possam verificar rescisões, mas vincou que, a existirem, os que avançarem com essa medida terão de arcar com as "consequências".


Sessões gravadas
Recorde-se que, em comunicado, os leões explicaram que "não haverá qualquer intervenção inicial" do presidente dos verde e brancos e que será seguido um modelo de perguntas e respostas, "estando naturalmente o Conselho Directivo presente para ouvir todas as opiniões dos sócios, bem como para responder a todas as questões e dúvidas que sejam colocadas."

O clube adianta também que "todas as sessões de esclarecimento serão gravadas pela Sporting TV". Recorde-se que as três sessões serão realizadas já no domingo de manhã, a partir das 10h00, no pavilhão João Rocha, em Faro a partir das 19h00 no dia 30 de maio, e no Grande Porto no dia 1 de junho, a partir das 19h00.

(última atualização às 15h28)

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas