Salgado Zenha critica Montepio e fala em "vergonha alheia"

Vice-presidente conta como decorreram as negociações para o empréstimo obrigacionista

• Foto: Lusa

Salgado Zenha, vice-presidente do Sporting, teceu esta sexta-feira críticas à forma como o Montepio lidou com o empréstimo obrigacionista do Sporting. O responsável leonino admite que "foi um processo muito complexo" e que houve "pouco tempo", mas salienta que aquele banco "teve um comportamento que não dignifica a instituição".

"Quando chegámos foi apresentado um calendário posterior à antiga obrigação, que previa um empréstimo intercalar. Trabalhámos sempre nesse sentido. Esse empréstimo intercalar foi para aprovação do conselho de administração, foi aprovado pelas equipas técnicas do Montepio, já tinha sido aprovado um idêntico em maio com a administração anterior, numa altura em que tínhamos uma situação de liquidez muito pior do que agora. No entanto, surpreendentemente, fomos enrolados praticamente até a um mês do reembolso e foi-nos dito que rejeitavam esse empréstimo intercalar. O mais curioso foi a forma como foi transmitida essa mensagem, que não vou comentar por uma questão de vergonha alheia. É institucionalmente nunca visto", explicou em conferência de imprensa.

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.