Silas: «A receção de ontem mexeu muito com os jogadores»

Treinador do Sporting lamentou os cânticos de elementos das claques para a equipa nos Açores, na noite de domingo

Jorge Silas, treinador do Sporting, lamentou os cânticos e a receção de alguns adeptos sportinguistas na chegada à equipa aos Açores, antes do encontro desta segunda-feira com o Santa Clara, que os leões acabaram por golear por 4-0.

Questionado se o resultado frente à formação açoriana era uma espécie de resposta para aqueles adeptos, o técnico dos leões negou tal intenção, afirmando: "Gostaria que todos os sportinguistas pudessem remar para o mesmo lado para o Sporting sair desta situação"

"Esperava uma resposta assim mas muito antes disso. A receção de ontem [domingo] mexeu muito com os jogadores, mas mais com quem passou por aquela catástrofe, porque tudo o que aconteceu com aqueles jogadores e com o Sporting foi uma catástrofe [o ataque à Academia]. Não foi uma resposta a isso, mas se pudéssemos dar uma resposta assim todas as semanas, era melhor. O que eu gostaria? Que todos os sportinguistas pudessem remar para o mesmo lado para o Sporting sair desta situação", afirmou, na conferência de imprensa no final do jogo.

Análise do jogo

"É fácil de se fazer, estivemos sempre por cima contra uma boa equipa num terreno difícil. Fizemos muita coisa bem e não demos grande oportunidade para o adversário criar perigo ou lances de golo. Depois, na segunda parte, o golo acabou por vir cedo e acabou por sentenciar aquilo que viria a ser o resto jogo. Creio que o Santa Clara deixou de acreditar porque nos estávamos muito bem e o terceiro golo acabou com o jogo. Foi uma grande exibição da nossa parte."

O resumo do Santa Clara-Sporting
Irregularidade da equipa

"Porquê que acha que a exibição com o Moreirense não foi tão positiva? Tivemos mais oportunidades no jogo com o Moreirense do que aquelas que tivemos aqui. Lá tivemos 28 oportunidades de golo, aqui tivemos 20, só que lá não marcamos golos, essa foi a diferença. Na Liga Europa sim, o jogo não foi bem conseguido. O primeiro [jogo] com o Gil Vicente também criámos boas oportunidades, mas o segundo foi melhor. O que eu noto é o crescimento da equipa. Acho que a evolução é grande e a tendência é que nós possamos ficar mais consistentes ao longo da temporada, à medida que vamos conhecendo os jogadores e eles vão-nos conhecendo a nós."

Sorteio da Liga Europa

"Todas as equipas são difíceis nesta fase, qualquer um dos adversários que nos calhasse seria difícil. Ainda temos muito tempo, mas é um adversário muito difícil. Acabou em primeiro lugar no seu grupo, mas vamos ter dificuldades, assim como todas as equipas portuguesas. Ainda temos muito tempo para preparar esse jogo."

Regresso de Battaglia à competição

"Vai ser um grande reforço. É uma grande ajuda para nós. Percebe tudo aquilo que eu lhe peço e antecipa coisas que eu vou lhe pedir. Era importante que fosse somando minutos. Não o colocamos só porque estava 4-0, mas sim porque vai ser muito importante para os jogos que aí vêm. Assim que o Doumbia apanhou o amarelo, nós colocamos o Battaglia de forma a que ele vá somando minutos de jogo", finalizou.

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.