Silas pensa em futebol "18 horas por dia": «Sei o peso que tenho em cima de mim»

Treinador do Sporting em entrevista ao canal de televisão do clube

• Foto: Pedro Ferreira

Silas garante que até a dormir pensa em futebol. Em entrevista esta quarta-feira à Sporting TV, o treinador assume que não se imaginava chegar ao banco dos leões em tão pouco tempo de carreira e sublinha a sua ideia para os verde e brancos: "queremos uma equipa a tentar controlar todos os jogos com bola".

Chegar a treinador do Sporting aos 43 anos: "Começar a treinar há muito pouco tempo e chegar a um clube com a dimensão do Sporting já é um feito assinalável, mas para mim que já joguei no Sporting e tinha o sonho de jogar nos seniores, um sonho que não concretizei, ser treinador é ainda mais especial. Neste sítio com o peso da história tenho de pensar na grande responsabilidade que é ser o líder da equipa sénior da Sporting, e isso é algo com que vivo bastante bem pois gosto muito de desafios. É claro que é especial ser treinador do Sporting em tão pouco tempo. Sonhava que um dia podia chegar, mas tão depressa… Se calhar não pensava que seria tão depressa".

Depois de ter sido jogador e treinador de futsal e futebol e comentador, o que falta? Prefiro jogar a treinar, naturalmente. Gosto sempre de falar de futebol, mas das coisas que eu fiz é aquela que eu gosto menos pois como comentador há ali uma linha entre o comentário e a crítica que é difícil não ultrapassar, e eu não gosto muito dessa parte da crítica pois às vezes parece que estamos a criticar um colega que pode ser nosso amigo, e é difícil conseguir distinguir uma coisa da outra por isso é que não gosto tanto como de jogar ou treinar pois pode deixar-me um bocadinho mais desconfortável.

Quantas horas lhe toma o futebol: Não sei precisar as horas, mas até a sonhar, e às vezes as melhores ideias surgem quando estou a sonhar, naquela fase em que estou quase a acordar. Até a dormir sonho com o futebol mas em 24 horas, contando com o sonho, talvez umas 18.

Quem ficou mais orgulhoso de vê-lo chegar a treinador do Sporting: O meu pai pois foi a pessoa que mais me acompanhou de todos. Alguns amigos de infância com quem me dou hoje também estão muito orgulhosos, mas o meu pai é que ia comigo todos os dias para os treinos em Alvalade, saímos daqui às 23h00, e não imagino ninguém mais orgulhoso… Se calhar nem eu: é mais ele do que eu.

Que dizia o Silas 'jovem' ao treinador? A primeira imagem que eu tenho do Sporting é em 1982, foi a primeira vez que vim ao Estádio José Alvalade e lembro-me da frente de ataque que era Oliveira, Jordão e Manuel Fernandes. O Oliveira era um grande jogador, o Manuel Fernandes foi meu treinador e não me posso esquecer disso, mas o Oliveira era incrível. Eu sempre pensei um dia quero ser como o Oliveira, tinha esta ideia pois a primeira imagem que eu tive de um grande jogador do Sporting foi a dele. Até há pouco tempo não me passava pela cabeça ser treinador, há uns sete ou oito anos é que pensei em ser treinador, mas nunca pensei que pudesse treinar o Sporting em menos de dois anos; no fundo ainda não tenho dois anos completos, tenho temporadas. Nem sei o que dizer neste sentido pois há imensa gente que treina sete ou oito anos até chegar à 1ª Liga, e outros estão a vida toda sem poder chegar a um clube como o Sporting, e eu em dois anos consegui-lo é um feito assinalável, mas é também uma grande responsabilidade e eu se calhar passo 18 horas por dia a pensar em futebol pois sei a responsabilidade que tenho, e sei o peso que tenho em cima de mim, e depois não gostamos de defraudar as pessoas que gostam de nós e os sportinguistas.

Dois anos depois de disputar o último jogo como jogador estava a treinar o Sporting: O que disse a alguns amigos, e um deles é o Miguel Garcia, é que quando começasse a treinar em dois anos iria estar na 1ª Liga, não sabia era quando é que começava a treinar. O Sporting é que nunca me passou pela cabeça pois havia a questão dos cursos, 1ª Liga sim. O Miguel Garcia, que também é sportinguista, é testemunha disso, mas o Sporting é um desafio diferente que exige o melhor de nós. Não é que não pensasse que não estava preparado, mas dificilmente pensamos que vamos ter uma oportunidade tão depressa. Ela surgiu e nesse aspeto somos sortudos, sem dúvida alguma.

Há quem diga que com o Silas o Sporting contratou uma ideia de futebol: Eu concordo. O Belenenses contratou alguém que ninguém conhecia e não sabia o que ia sair dali. O Sporting já não, o Sporting contratou um treinador que já tem um trabalho de quase duas temporadas e já viu alguma coisa. O Sporting quando pensou em nós pensou no futebol que praticavámos e nos jovens que lançámos, nos jogadores transferidos do Belenenses e que melhoraram a sua vida… Em 20 meses foram à volta de 16: portanto o Sporting quando pensou em nós já sabia o que queria, não foi uma aposta no escuro. Mesmo não tendo nós o 4.º nível o Sporting pensou que era isso que queria pois nós já tínhamos uma ideia de jogo da qual não abdicamos. Podemos adaptar no princípio pois chegámos a meio e tivemos de nos adaptar, ainda nos estamos a adaptar, mas depois com o passar do tempo a nossa ideia vai passar muito por aquilo que tínhamos feito anteriormente. Queremos uma equipa a tentar controlar todos os jogos com bola, a tentar mandar no jogo com bola pois é nisso que nós acreditamos. Já acreditávamos nisso enquanto jogadores, eu já acreditava nisso aos 19 anos como treinador de Futsal, e mesmo como jogador dentro de campo…São coisas em que acredito, e eu não consigo transmitir coisas em que não acredito. Eu sei que é preciso defender e jogar sem bola, e quando digo jogar sem bola é defensivamente, mas se eu poder encurtar esse tempo e puder passar mais tempo com bola sinto-me muito mais confortável… quando não tenho bola sinto-me desconfortável por isso temos de tentar ter a bola o mais tempo possível e depois tentar concretizar, não basta ter bola, é preciso criar ocasiões de golo e fazer golos. Mas neste momento estamos melhores pois temos mais qualidade individual, e o nosso trabalho é fazer com que eles cheguem à frente e depois eles que resolvam, mas nesse aspeto temos jogadores com muita qualidade.

Por João Soares Ribeiro
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.