UEFA pune Sporting e limita lotação de Alvalade para jogo da Liga Europa

Por causa de jogo com o Atlético Madrid realizado a 12 de abril

• Foto: Luís Manuel Neves

O Sporting informou este sábado que por decisão da UEFA - e com base num processo instaurado após o jogo com o Atlético de Madrid realizado a 12 de abril - foi punido com o encerramento de 3.000 lugares na Central Poente do Estádio José Alvalade devido ao arremesso de um objeto em direção da equipa de arbitragem.

Sendo assim, a limitação para o encontro com o Qarabag foi reduzida: sector A1 + A2 + A3 + A4 + A5 (da fila 1 à fila7 inclusivamente); Sector A6 + A7 (tudo); Sector B1 + B2 + B3 (da fila 1 à fila 3 inclusivamente).

O Sporting explicou no site oficial que "todos os Sócios com gamebox nestes lugares que poderão levantar um convite duplo a partir de domingo nas bilheteiras do Estádio José Alvalade".

Face a esta decisão da UEFA, o Sporting deixa um apelo: "Mais do que nunca, e tendo em consideração os últimos acontecimentos no desporto nacional, é importante que todos os nossos sócios e adeptos tenham perfeita consciência que o mau comportamento do público pode gerar sérios prejuízos ao clube. Desta forma, apelamos a que todos os sócios e adeptos do Sporting Clube de Portugal (tanto nos jogos em nossa casa, como também nos jogos fora de Alvalade) tenham uma conduta correcta e de ‘fair-play’ para com todos os agentes desportivos."

Os bilhetes para a 1ª jornada da Liga Europa começam a ser vendidos domingo nas bilheteiras do Estádio José Alvalade (online já é possível desde 7 de dezembro). Os preços para a estreia nas competições europeias 2018/2019 vão desde os 10 euros para sócios e 15 para adeptos.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.