Varandas critica "minoria" que quer dividir: «São burros e vão provar do próprio veneno»

Presidente do Sporting aponta o dedo a quem "prefere o caos para gerar as suas oportunidades"

• Foto: Luís Manuel Neves

Com a contestação a reinar em Alvalade, Frederico Varandas apontou o dedo à "minoria" que prefere o caos no clube, apelidando-os mesmo de "burros".

"Os sportinguistas sabem distinguir o protesto genuíno do premeditado, grupos que preferem que as coisas corras mal para manter as coisas como estavam. Há uma ferida aberta enquanto as pessoas não a quiserem fechar. Aquelas pessoas insultarem ou dizerem que sou o maior vale zero. Insultarem-me vale zero. Existem minorias no Sporting que preferem o caos para gerar as suas oportunidades. Há uma política autodestrutiva, e são burros, porque quando lá estiveram vão perceber que o clube está pior, vão provar do próprio veneno. No Sporting é pior, se calhar é o nosso código genético. Não é num ano que se vai apagar este fosso", apontou o presidente verde e branco numa entrevista à SIC.

"Entendo o descontentamento de quem vai a Alvalade. Mas têm de perceber que os órgãos sociais são sportinguistas que sentem o clube. Partilho essa tristeza genuína. Mas não subscrevo o descontentamento generalizado", acrescentou.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0