Zeferino Boal critica Octávio pelo ataque a Cosme Machado

"Dirigentes com experiência devem ser os primeiros a pensar duas vezes"

• Foto: Pedro Simões

Zeferino Boal, que se candidatou às eleições no Sporting em 2011, criticou o diretor para o futebol do clube, Octávio Machado, por este ter pedido para que o árbitro Cosme Machado não voltasse a ser nomeado para jogos dos leões, na sequência do trabalho realizado no embate frente à Académica, no domingo.

"Se fosse cumprido o pedido de todos os clubes, hoje não teríamos árbitros para apitar jogos da 1.ª divisão. Toda a gente tem culpas. Mas, sobretudo, os dirigentes com experiência devem ser os primeiros a pensar duas vezes e a reagirem no dia seguinte a certas situações", adiantou Boal, que também pertenceu ao Conselho Leonino, em declarações à Renascença, frisando: "Sei que isso cativa apoios."

11
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sporting

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.