Hernâni a todo o gás

Extremo não atua na Taça desde 2014 e tem a missão de fazer esquecer a influência de Marega

• Foto: Simão Freitas

O possível trauma causado pela ausência de Marega começou a ser combatido ainda o maliano estava a preparar-se para deixar o Estádio D. Afonso Henriques, depois de ser expulso contra o Nacional. A equipa operou a reviravolta frente aos alvinegros, apesar da desvantagem numérica, e demonstrou uma força que recebeu vénias por parte dos adeptos.

O melhor marcador não está, mas existem soluções que dão garantias a Pedro Martins. Hernâni é o eleito para investir a todo o gás sobre a defesa do xadrez, alimentando a postura ofensiva prometida pelo treinador. O extremo não atua na Taça de Portugal desde 2014, na altura ao serviço do Vitória, mas pouco tempo antes de assinar pelo FC Porto. Uma decisão que ainda não produziu os efeitos de que certamente estaria à espera em termos de evolução na carreira. Todavia, a administração da SAD confia que Hernâni ainda pode desempenhar um papel decisivo numa temporada que será longa e onde a ambição é elevada.

Por último, antes da visita ao Santa Iria, Miguel Silva defendeu a baliza da equipa B, frente ao Sp. Covilhã, para ganhar rodagem. Com vista ao Bessa, um duelo mais exigente e simbólico para o jovem guardião, não foi possível realizar esse ‘aquecimento’ prévio.

Por Bruno Freitas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Guimarães

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.