Reação inédita

Pedro Martins nunca conseguiu ganhar depois de sofrer uma derrota pesada por cinco golos

• Foto: Simão Freitas

O técnico Pedro Martins está a cumprir a sua 8ª temporada como treinador no principal escalão do nosso futebol e não só já passou por momentos de desânimo idênticos ao que o Vitória viveu no final do jogo frente ao Sporting em todos os clubes por onde passou, como nunca ganhou o encontro seguinte depois de ter perdido com uma mão-cheia de golos sofridos.

Curiosidade estatística que não pode ser dissociada do desconforto psicológico que o balneário minhoto está a atravessar, principalmente pelo facto de o desaire ter acontecido em casa, mas também por estar intimamente relacionada com este arranque de temporada em derrapagem.

Tudo somado faz com que a deslocação à Mata Real seja revestida de um contorno estratégico fundamental para as aspirações que o Vitória continua a projetar para esta época.

Não só porque é a última oportunidade de Pedro Martins corrigir a imagem de desalento que grassa no universo vitoriano antes da interrupção que o campeonato vai sofrer por causa dos compromissos das seleções, mas também pelas consequências que o prolongar da crise poderá representar a curto prazo.

Certo é que Pedro Martins não vai abdicar de tentar uma reação inédita na sua carreira, na certeza também de que o desaire ante o Sporting apresenta-se como o resultado mais pesado que o treinador averbou em casa em toda a sua carreira.

Por Pedro Malacó
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Guimarães

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.