Eric Tinkler nega contactos

Não vai suceder a Quim Machado

• Foto: DR Record

A sucessão de Quim Machado no comando técnico do V. Setúbal não passa por Eric Tinkler. O antigo médio dos sadinos – jogou no Bonfim entre 1992 e 1996, partilhando o balneário com Yekini, Hélio Sousa ou Chiquinho Conde –, de 45 anos, foi associado ontem ao clube português, mas o próprio desmente a Record que esse cenário seja possível a curto prazo.

"Neste momento estou a treinar o Orlando Pirates, um grande clube aqui na África do Sul. Tenho mais um ano de contrato e quero cumpri-lo, pois estou 100 por cento concentrado neste projeto", garante o sul-africano, num português correto sobretudo para quem já deixou o nosso país em 2005. "A minha mulher obriga-me a continuar a falar bem português", explica, bem-disposto, o antigo jogador do U. Tomar, V. Setúbal e Caldas.

"Sempre disse que gostava de voltar a Portugal para treinar uma equipa, mas ninguém do V. Setúbal falou comigo. Ainda não será desta", acrescenta, com mais uma gargalhada. Ao que apurámos, os nomes de Daniel Ramos, Norton de Matos e Paulo Sérgio continuam a ser os mais fortes.

Por Nuno Miguel Ferreira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de V. Setúbal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.