José Couceiro pediu aos jogadores para esquecerem o árbitro

Treinador não quis comentar comportamento dos portistas

• Foto: Lusa

No final do encontro com o FC Porto, que terminou empatado (0-0), José Couceiro questionado sobre o comportamento dos jogadores portistas perante o árbitro não quis comentar, afirmando que também ele não é, muitas vezes, exemplo.

"Não vou entrar por aí, nem devo entrar por uma questão de elegância e ética. Os meus jogadores também tiveram alguns comportamentos… O que pedi aos meus jogadores ao intervalo é que não houvesse árbitro. O foco é o jogo e não é o árbitro. Às vezes também não sou um exemplo pois protesto algumas decisões dos árbitros também extremamente difíceis mas o que me parece é que os grandes, no final do ano, não têm tantas razões de queixa dos árbitros como nós.

Por André Monteiro e Marta Correia Azevedo
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Setúbal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0