Médico cessa funções com V. Setúbal depois do "espetáculo das máscaras"

Médico ortopedista Nuno Moura colaborou com a formação sadina cerca de 5 anos

• Foto: Luís Manuel Neves

Nuno Moura, médico ortopedista, de 48 anos, que durante cinco anos colaborou com o Vitória de Setúbal, cessou a sua cooperação depois do episódio da gripe, que atingiu os jogadores sadinos e que muito deu que falar antes do jogo com o Sporting, da 16.ª jornada da Liga NOS. 

"Este ano ainda fui fazer um jogo da equipa (porque Dr. Ricardo Lopes não podia), fui inscrito na Liga pelo Vitória. Depois do jogo com o Sporting transmiti ao diretor clínico, Ricardo Lopes que não iria continuar com a relação institucional que tinha com o Vitória", afirmou a Record o médico, que explica não tinha contrato com o clube. 

Cenário de epidemia: apanha-bolas e adeptos de máscara no Bonfim para o V. Setúbal-Sporting
"No princípio da época tive um contacto com o presidente [Vítor Hugo Valente] que me ligou a dizer que estava interessado em que continuasse e que era importante que ficasse como diretor do departamento porque era uma mais-valia", refere, adiantando que continuava a colaborar devido à amizade com o diretor clínico Ricardo Lopes. 

"A minha situação esteve sempre mal definida e continuei a não ser remunerado em qualquer das minhas funções", explica acrescentando: "Na sequência do incidente, que considero ter havido muita coisa não médica misturada com assuntos médicos - o assunto foi muito bem conduzido pelo dr. Ricardo Lopes, mas acho que houve uma ‘feira’ à volta do sucedido."

"Nunca duvidei da infeção viral. Conheço vários atletas e até tenho amizade com eles. O que aconteceu é uma realidade, não duvido. O dr. Ricardo até falou comigo sobre os jogadores que estariam ou não aptos a jogar. O que pode ter acontecido, numa tentativa de agravamento da situação ou de ganhar apoio na opinião pública, a direção levar a cabo a sua intenção de adiar o jogo. O espetáculo das máscaras e dos placares expostos, tenho a certeza que o dr. Ricardo não teve nada a ver com isso", afirmou.

9
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de V. Setúbal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.