Benfica-Sporting: Mira está no topo

Sporting e Benfica estão em momentos diferentes, mas o foco de ambos é o título de campeão

O Benfica pode estar em último e o Sporting em quarto, mas... dérbi é dérbi. Os leões visitam hoje a casa dos encarnados e, apesar de viverem momentos completamente diferentes na Liga Revelação, os rivais só olham para cima, porque o primeiro lugar não está assim tão longe.

Começando pelos visitantes, o Sporting tem a possibilidade, em caso de vitória, de chegar provisoriamente ao 1º lugar , oportunidade que deixou escapar na jornada passada. Os leões empataram, a zero, com o Estoril, e Pedro Marques garante uma "resposta positiva". "Lutamos para ser campeões, esse é o nosso objetivo. O nosso espírito está mais forte, somos uma equipa dentro e fora de campo e isso ajuda-nos a conseguir os resultados e a trabalhar bem", refere o avançado, antevendo "um grande jogo", que se decidirá "nos pormenores": "A diferença vai ser no querer. Temos qualidade e vamos conseguir superiorizar-nos."

Do lado do Benfica, que não ganha há seis jogos (quatro, nesta fase de apuramento campeão), Tomás Tavares acredita no trabalho que tem sido desenvolvido e vê uma reviravolta para breve. "Se formos coerentes com a nossa forma de jogar e com o que treinámos, iremos fazer um bom campeonato", refere o jovem futebolista.

Em relação a esta partida, o lateral mostra tranquilidade e confiança. "Encaramos este encontro de forma muito séria. É um dérbi, mas é um jogo como qualquer outro. Entramos sempre para ganhar, queremos estar bem, mostrar a nossa qualidade e fazer uma excelente exibição", garante o jogador, de 18 anos, que tem sido aposta constante por parte de Luís Tralhão.

Luís Tralhão aposta na irreverência

O técnico Luís Tralhão tem noção das dificuldades que a sua equipa tem sentido nos últimos encontros, mas garante que o trabalho está a ser bem feito e que a identidade das águias não vai mudar. "A nossa qualidade individual e coletiva pode ser uma diferença. Obviamente que todos a têm, mas acreditamos muito no valor dos nossos jogadores. Nós temos a irreverência e esse pode ser um fator muito importante", refere o técnico, de 40 anos. Tralhão admite, porém, que o Sporting tem outras armas, como maturidade, para apresentar ao longo dos 90 minutos. "O nosso adversário tem excelente equipa, com mais experiência e um bom desempenho na Liga, mas, independentemente disso, estamos mais do que preparados para fazer um bom jogo", afirma, antevendo uma partida "muito interessante entre duas boas equipas".

Por Pedro Filipe Pinto
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga Revelação

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.