Aves segue em frente com vitória suada em Vila Real

Autogolo de Júnior traiu equipa dos Distritais

• Foto: Simão Freitas

O Aves venceu este domingo o Vila Real, dos Distritais, por 1-0, com um golo nos últimos minutos, em partida relativa à terceira eliminatória da Taça de Portugal.

Na estreia de Lito Vidigal, o conjunto da Vila das Aves sentiu grandes dificuldades para vencer o Vila Real, conseguindo apenas chegar ao golo aos 85 minutos e através de um golo na própria baliza de Júnior.

Os forasteiros até entraram bem no encontro a conseguiram criar alguns lances de perigo junto da baliza de Andrey, um dos principais responsáveis por o nulo se ter mantido até cinco minutos do final.

À medida que o tempo ia passando, a equipa da 1.ª Liga foi perdendo ritmo e acusando algum nervosismo por não conseguir chegar ao golo.

O Vila Real, por outro lado, mostrou-se bastante coeso na defesa, e teve no guarda-redes Andrey um baluarte.

Além disso, e aproveitando a baixa de rendimento do adversário, tentou tirar partido dos contra-ataques, chegando, por diversas vezes, a assustar o veterano Quim.

No segundo tempo, e com o resultado ainda em branco, o nervosismo da equipa do Aves intensificou-se.

Os ânimos aqueceram nas bancadas, com os adeptos das duas equipas a envolverem-se em confrontos, obrigando mesmo à intervenção da polícia.

O golo do Aves acabou por acontecer aos 85 minutos, numa infelicidade de Júnior, que, num ressalto após remate de Derley, acabou por colocar a bola dentro da baliza do Vila Real.

Jogo no Complexo Desportivo Monte da Forca, em Vila Real.

Vila Real - Desportivo das Aves, 0-1.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

0-1, Júnior, 85 minutos (na própria baliza).

Equipas:

- Vila Real: Andrey, Telmo (Okoli, 89), Fredy, Sunday, Júnior, Nonso, Kenny, Adebayo, Claudio, Tanko e Taofiq.

(Suplentes: Rui Queirós, André Sampaio, Rui Sampaio, Daniel Monteiro, Tiago Pereira, Pedrito e Okoli).

Treinador: Nuno Pinto.

- Aves: Quim, Pedrinho, Ponck, Diego Galo, Nélson Lenho, Vítor Gomes, Washington (Paulo Machado, 62), Ryan Gauld (Gonçalo Santos, 87), Amilton (Arango, 90), Derley e Salvador Agra.

(Suplentes: Adriano, Defendi, Paulo Machado, Gonçalo Santos, Falcone, Mama Baldé e Arango).

Treinador: Lito Vidigal.

Árbitro: Rui Oliveira (Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Adebayo (38), Kenny (45+1), Nélson Lenho (56), Vítor Gomes (81), Nonso (83) e Claudio (90).

Assistência: Cerca de 2.000 espetadores.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Taça de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas