Rio Ave-Marinhense, 2-0: vila-condenses garantem lugar nos 'quartos' da Taça de Portugal

Tarantini e Ronan fizeram os tentos do triunfo da equipa orientada por Carlos Carvalhal

• Foto: Nuno Abreu / Record

O Rio Ave 'carimbou' esta terça-feira a passagem aos quartos de final da Taça de Portugal de futebol, ao vencer 2-0 em casa do Marinhense, do Campeonato de Portugal (CP), jogo em que sentiu dificuldades na primeira parte.

Tarantini, que atingiu este mês os 300 jogos na 1.ª Liga, abriu o marcador aos 32 minutos, numa cabeçada fulgurante, na sequência de um livre indireto batido por Diego Lopes, tendo, aos 89 minutos, Ronan confirmado a vitória da equipa vila-condense, numa jogada de contra-ataque conduzida por Nuno Santos, em que só teve de encostar para golo.

Diante do seu público, o Marinhense foi a primeira equipa a estar perto do golo, aos 24 minutos, num remate de Leandro Antunes ao poste, na marcação de um livre direto.

O Rio Ave pediu grande penalidade aos 27, numa jogada do iraniano Medhi, em que o guarda-redes Jair Mosquera já estava fora do lance.

Após o primeiro golo dos nortenhos, aos 32 minutos, a reação do Marinhense foi imediata e, dois minutos depois, o guarda-redes Paulo Vítor evitou o golo da igualdade com uma palmada, a responder a um cabeceamento de Rúben Martins.

O guardião da equipa vilacondense voltou a estar em destaque no minuto seguinte ao negar, com a perna, o golo a Leandro Antunes, numa jogada de insistência da formação anfitriã.

Já quase em cima do intervalo, Medhi desperdiçou uma excelente oportunidade para dilatar a vantagem do Rio Ave, com um 'chapéu' que saiu por cima da trave quando o guarda-redes do Marinhense já estava fora do lance.

Na segunda parte, a partida continuou combativa, mas sem grandes oportunidades, mas a formação orientada por Carlos Carvalhal ainda desperdiçou uma grande penalidade aos 61 minutos, com Mosquera a defender o remate de Nuno Santos, depois de o árbitro ter considerado falta sobre o avançado Medhi na área, tendo acabado por 'matar' o jogo com o golo de Ronan.

Marinhense - Rio Ave, 0-2.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Tarantini, 32 minutos.

0-2, Ronan, 89.

Equipas:

- Marinhense: Jair Mosquera, Rúben Martins, Fábio Santos, Luís Oliveira, Ricardo Ferreira (Pedro Emanuel, 82), André Sousa, Jean, André Perre, Ednilson (Saya, 68), Leandro Antunes (Rúben Coelho, 85) e Abdel.

(Suplentes: Mirza, Elton, Alex, Cordoba, Saya, Pedro Emanuel e Rúben Coelho).

Treinador: João Mota.

- Rio Ave: Paulo Vítor, Nélson Monte, Messias, Santos, Mateus Reis, Tarantini, Filipe Augusto, Diego Lopes, Carlos Mané, Bruno Moreira (Nuno Santos, 57) e Mehdi (Ronan, 86).

(Suplentes: Kieszek, Nuno Santos, Júnior, Vitó, Ronan, Pedro Amaral e Joca).

Treinador: Carlos Carvalhal.

Árbitro: Rui Oliveira (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Filipe Augusto (14), Rúben Martins (37), Tarantini (48), Mehdi (80) e Ronan (90+2).

Assistência: Cerca de 1.000 espetadores.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Taça de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.