Treinador do Vizela assume: «Benfica vai respeitar-nos e terá algumas cautelas»

Álvaro Pacheco antecipa duelo da 4ª eliminatória da Taça de Portugal

• Foto: Hélder Santos

O treinador do Vizela, Álvaro Pacheco, considerou que o jogo com o Benfica, da 4ª eliminatória da Taça de Portugal, será "um desafio fantástico" para a sua equipa. O técnico, de 48 anos, que assumiu esta época o comando da formação do distrito de Braga, que comanda a Série A do Campeonato Portugal, falou numa oportunidade para o seu grupo "testar capacidades", no embate com as 'águias', que deverá acontecer em 24 novembro.

"Será um desafio fantástico, defrontando o campeão nacional, e uma das melhores equipas a nível nacional. Temos ambição de subir de patamar e chegar ao topo do futebol nacional, e ter oportunidade de jogar com os melhores ajuda-nos a testar as nossas capacidades", revelou à agência Lusa Álvaro Pacheco. Reconhecendo que a Taça de Portugal "é uma competição especial onde todos gostam de participar e têm o sonho do chegar ao Jamor", o técnico do Vizela foi pragmático, vincando que "a prioridade da equipa está no campeonato". "Queremos continuar focados na conquista dos pontos semana após semana para irmos construindo aquilo que será o nosso futuro, investido no presente. A Taça de Portugal será um extra", confessou.

Ainda assim, Álvaro Pacheco antecipa o duelo com o Benfica como "um jogo intenso, emotivo, entre duas equipas a querer ultrapassar mais uma eliminatória", e deixando alguns alertas ao adversário lisboeta. "Não tenho dúvidas que o Benfica nos vai respeitar, e terá algumas cautelas em relação ao Vizela. Somos uma equipa com uma identidade forte, determinada, ambiciosa e que gosta de jogar", partilhou o treinador dos nortenhos. O técnico lembrou também o facto de na última ronda da competição várias equipas de patamares superiores terem sido eliminadas por formações do Campeonato de Portugal, realçando o "bom trabalho que se faz nesta divisão". "Temos muitos clubes profissionalizados, com boas condições de treino e a trabalharem bem técnica e taticamente, orientados por treinadores portugueses com muito valor. A última eliminatória da Taça foi um pouco o espelho disso", alertou o treinador do Vizela.

Álvaro Pacheco lamenta, no entanto, o formato competitivo do Campeonato Portugal, pois, segundo diz, "não se premeia a regularidade". "É um campeonato com equipas fabulosas, mas o formato tem de ser repensado pela Federação [Portuguesa de Futebol]. Não fez sentido as equipas fazerem grandes investimentos para subir divisão, e, no final da época, não serem premiadas pela regularidade que tiveram", afirmou.

Voltando ao embate com o Benfica, da Taça de Portugal, Álvaro Pacheco confirmou à Lusa que jogo deverá ser realizado em Vizela, no estádio do clube. "Por aquilo que tenho conhecimento será no nosso estádio, junto dos adeptos do Vizela. Esperava que nos saísse uma grande equipa e que jogo fosse em nossa casa, porque é um prémio para a cidade e para os nossos fantásticos adeptos, que mereciam desfrutar deste momento", disse o treinador.

Para chegar à quarta ronda da Taça de Portugal e defrontar o Benfica, a formação vizelense eliminou, nas rondas anteriores, o Pedra Rubras e Fontainhas, ambos do Campeonato Portugal, e o Casa Pia, da II Liga.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Taça de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.