André Coelho deixa futsal do Benfica para ingressar no Barcelona

Assinou contrato com os espanhóis até 2022

• Foto: Nuno Fonseca

O internacional português André Coelho está de saída do futsal do Benfica, para ingressar no Barcelona, tendo assinado contrato até 2022 com os espanhóis, com os quais quer "ganhar títulos", anunciaram esta quarta-feira os dois clubes.

"Estou muito feliz e animado por pertencer ao melhor clube do mundo. Será um prazer fazer parte da família 'Barça'. É um sonho estar aqui e estou ansioso para conhecer os meus novos companheiros e começar a competir", referiu André Coelho ao sítio oficial do clube catalão na Internet.

André Coelho, que é o primeiro reforço anunciado pelo FC Barcelona, disse ainda estar ansioso por jogar no Palau Blaugrana, conhecer o calor dos adeptos e manifestou o desejo de conquistar títulos e de dar muitas alegrias ao clube catalão.

Jogador de perfil defensivo, destro, versátil, com bom remate e experiente, André Coelho, de 26 anos, jogou pelo Benfica nas últimas três temporadas, tendo vencido um campeonato e três Taças da Liga. Pela seleção, conquistou o Europeu de 2018.

"Foram dois anos fantásticos, principalmente o segundo em que fomos campeões nacionais. Por infelicidade, este acabou mais cedo e com muita pena minha, pois não me despedi da forma que pretendia, em campo e a ganhar outro título pelo Benfica", disse André Coelho, aos canais de comunicação dos 'encarnados'.

André Coelho recorda bons momentos passados na Luz, como a conquista do campeonato em 2018/19, depois de na época anterior o título ter sido perdido para o Sporting, e em especial o último jogo da final, pelo apoio constante dos adeptos e pela festa que se seguiu.

O jogador refere que sai do Benfica "de coração cheio, com muitos amigos, com uma família criada em Lisboa", mas é a altura de "ter uma nova experiência, com uma nova liga", ainda por cima a espanhola, que era "um desejo antigo".

"É uma oportunidade de cumprir, um sonho que tinha como jogador e espero que corra bem. Ao nível de condições são clubes muito similares. Têm uma estrutura enorme que não deixa faltar nada aos jogadores", sustentou.

André Coelho disse ainda que a transferência para o FC Barcelona representa uma mudança para "um campeonato de outro nível competitivo", que considera "mais exigente do que o português".

"É uma nova realidade que quero encarar. Não joguei com nenhum dos que estão lá, mas já joguei contra. Quer contra o Barcelona, quer contra as seleções espanhola e brasileira. Não conheço pessoalmente nenhum dos meus futuros colegas, portanto, vai ser uma aventura 100% nova", referiu.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futsal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0