Árbitro agredido por delegada do Leões de Porto Salvo no Louriçal

No encontro que ditou a descida da formação da região de Oeiras

O árbitro conimbricense Carlos Dias foi agredido este sábado por uma delegada da equipa de futsal feminino do Leões de Porto Salvo, no final do encontro entre o Louriçal e a formação de Oeiras, que ditou a descida de divisão das leoas na próxima temporada. 

Num encontro emocionante, em que o empate servia à formação de Porto Salvo, a equipa da casa marcou a 13 segundos do final o golo que lhe valeu a manutenção, poucos segundos depois de o árbitro da partida ter expulsado uma das jogadoras dos Leões de Porto Salvo. 

No final da partida e já numa altura em que as jogadoras cumprimentavam a dupla de árbitros, Sofia Gonçalves, delegada ao jogo pela formação da linha, terá agredido Carlos Dias, que acabou o dia no Hospital de Pombal com o lábio superior mal tratado e a necessitar de tratamento.

Em comunicado, o Núcleo de Árbitros de Futebol Marques Bom repudiou o comportamento da delegada. "Toda a violência nos recintos desportivos deve ser irradiada e os prevaricadores punidos severamente. O Núcleo de Árbitros de Futebol Marques Bom presta solidariedade ao árbitro, estando ao seu dispor para aquilo que entender ser necessário"



COMUNICADONa sequência dos acontecimentos verificados no jogo do Campeonato Nacional Feminino de Futsal, entre as...

Publicado por Núcleo de Árbitros de Futebol Marques Bom em Segunda-feira, 28 de Março de 2016

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futsal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.