Joel Rocha deseja a cereja do topo

Benfica defronta hoje o Halle-Gooik na luta pelo 1.º lugar, que está ao alcance do Kherson

• Foto: Pedro Simões

O Benfica defronta hoje os belgas do Halle-Gooik na partida que, no plano teórico, decidiria o vencedor do Grupo 2 da Ronda Principal da Liga dos Campeões de futsal. Só que o Kherson tem surpreendido tudo e todos (empate com os portugueses e triunfo sobre os belgas) e também acalenta esperanças de terminar no 1º lugar e conquistar assim o estatuto de cabeça de série na fase seguinte, a Ronda de Elite.

Curiosamente, a missão mais complicada será a da equipa anfitriã, o Halle-Gooik, que terá de bater o Benfica e esperar por um empate ou uma improvável vitória do Araz sobre o Kherson. E a diferença de golos pode ser crucial, sendo que os ucranianos têm os mesmos golos marcados que os campeões nacionais mas mais três sofridos.

"O Halle-Gooik será um adversário muito difícil. É uma equipa bastante competitiva e tenho a convicção de que será um jogo complicado para nós, mas também para eles. Vamos trabalhar muito para vencer e para sair da Bélgica com o segundo objetivo, visto que o apuramento para a Ronda de Elite está garantido", afirmou Joel Rocha.

O técnico dos encarnados assumiu que o objetivo para hoje é colocar "a cereja no topo do bolo", ou seja, ficar em primeiro lugar no grupo. "Será difícil, mas vamos estar preparados porque conhecemos bem o Halle-Gooik e estamos prontos para esses 40 minutos decisivos", sublinhou Joel Rocha.

Por Nuno Miguel Ferreira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futsal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.