Portimonense disputa dois jogos à porta fechada

Por ocorrências registadas na receção ao Farense na época passada

• Foto: Filipe Farinha

A equipa de futsal do Portimonense, uma das mais sérias candidatas aos primeiros lugares na Série F da 2.ª Divisão nacional, irá cumprir dois jogos à porta fechada, devido a incidentes ocorridos na receção ao Farense, em 20 de janeiro de 2018, na primeira fase da época passada.

O delegado da FPF nomeado para o jogo apurou que estavam presentes no pavilhão dos Montes de Alvor 380 pessoas, quando a lotação do recinto é de 286 espectadores, o que custou ao Portimonense um jogo à porta fechada, devido a sobrelotação.

Na mesma partida, foi arremessada uma bola na direção de um dos árbitros (o internacional Rúben Guerreiro), a partir da zona onde estavam concentrados os adeptos do Portimonense, o que levou à aplicação de mais um jogo à porta fechada.

O primeiro jogo sem público decorrerá já este sábado, quando o Portimonense receber o Fabril (18h00), em compromisso relativo à segunda jornada da primeira fase. O segundo jogo à porta fechada será cumprido frente a "Os Vinhais", uma vez que a receção ao Albufeira Futsal foi adiada para data posterior.

Nas últimas três épocas o Portimonense esteve por duas vezes muito perto de subir à 1.ª Divisão e na campanha em curso o objetivo da equipa orientada por Pedro Pedro Moreira volta a ser a ascensão ao patamar mais alto da modalidade. Na primeira jornada do campeonato os alvinegros foram ganhar ao reduto do Sassoeiros, repartindo a liderança da Série F da 2.ª Divisão com Farense, Albufeira Futsal e "Os Vinhais".

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futsal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.