Bruno de Carvalho e a UEFA Futsal Cup: «Temos de ganhar este título, mais tarde ou mais cedo»

Presidente dos leões esteve na antevisão da Ronda de Elite

• Foto: Pedro Ferreira

Bruno de Carvalho fez o lançamento da Ronda de Elite da UEFA Futsal Cup por elogiar o "parceiro magnífico que foi Odivelas", casa do Sporting nos últimos anos, mas sublinhou que não há sentimento como jogar no Pavilhão João Rocha.

"É muito bom jogar em casa, finalmente, ao fim de tantos anos em casas emprestadas. É bom sentir, não só, que estamos em casa mas poder sentir o calor de três mil sportinguistas e mais seriam se tivessemos tido o espaço para construir um pavilhão ainda maior. É muito importante manter uma atitude de humildade e pés no chão. Qualidade e capacidade de sacrifício eu reconheço ao futsal. Não vão ser jogos fáceis, mas eu tenho a certeza que os nossos adversários estão a pensar o mesmo", apontou o presidente dos leões, ressalvando depois que após quatro idas à final-four da competição sem lograr alcançar o triunfo, é hora de conquistar um troféu que "faz falta ao historial" do Sporting, o atual vice-campeão da Europa.

"Não escondemos que queremos ganhar títulos europeus em todas as modalidades. Acompanho o futsal desde que era futebol de salão. Os sportinguistas merecem poder comemorar esse título. É um dos objetivos, claro mas não vamos pôr o peso em dois jogadores [Cardinal e Divanei]. É um plantel muito equilibrado e homogéneo naquilo que é a sua qualidade. Ficamos contentes quando os jogadores voltam a casa e voltam a fazer parte dos nossos grupos de trabalho. Acredito muito mais que por ser algo que merecemos há muito tempo que o Sporting tem de conquistar este título, mais cedo ou mais tarde, por ser merecido e pelo trabalho magnífico que temos feito no futsal nacional", explicou Bruno de Carvalho.

O capitão João Matos também anteviu a participação em mais uma Ronda de Elite - o Sporting defrontará o Halle-Gooik, National Zagreb e Dina Moscovo entre 22 e 25 de novembro - sustentando que os leões "estão mais perto da final-four pela forma como trabalham". "São três jogos que queremos ganhar de forma clara, limpa e jogando bem. Depois, há que ambicionar aquilo que é o sonho e desejo: a conquista de um título europeu", vincou o internacional português que manifestou que "tem faltado maturidade e competência nos momentos decisivos" para chegar à conquista da UEFA Futsal Cup.

Por Flávio Miguel Silva
19
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de UEFA Futsal Cup

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0