Jassie e Sarah surpreendidas mas orgulhosas por chegarem à Seleção

Portugal faz dois jogos particulares com a Finlândia

• Foto: FPF/Diogo Pinto

Jassie Vasconcelos e Sarah da Cunha são as caras novas da Seleção Nacional e mostraram-se esta terça-feira "surpreendidas e orgulhosas" por poderem vir a representar Portugal nos jogos de preparação frente à Finlândia.

A extremo Jassie Vasconcelos, que atua no País de Gales, ao serviço do Cardiff City Ladies, começou por confessar a felicidade com que recebeu a notícia da sua primeira convocatória para representar a seleção liderada por Francisco Neto e enalteceu a oportunidade para poder evoluir.

"Foi [uma surpresa]. Saltei, gritei, pus as mãos na cabeça. É muito bom estar aqui, ver a qualidade destas jogadoras e fazer parte desta equipa. Nós progredimos aqui, estou muito contente de ter esta oportunidade para evoluir e de estar mais em contacto com Portugal", revelou a atleta de 23 anos.

Desafiada a apontar as principais diferenças entre o campeonato português e o britânico, Jassie reconheceu a diferença de níveis competitivos, mas elogiou o progresso conseguido no país natal.

"O campeonato inglês é muito rápido, é sempre a correr. Mas o campeonato português é muito bom, tenho visto alguns jogos e sinto orgulho por Portugal ter começado este projeto, de ter apostado em nós", constatou.

Ainda assim, a extremo admitiu que "muita gente ainda olha de lado [para o futebol feminino], mas frisou que o mais importante é a "evolução" que tem conseguido ao longo dos anos.

Quanto à receção das colegas no balneário, onde não está presente a capitã Cláudia Neto, devido a lesão, a nova atleta de Portugal disse que está a ser "fantástico" e que recebe "todo o apoio", sublinhando a vontade de "voltar mais vezes".

Já a defesa central Sarah da Cunha, que atuou por Portugal nas camadas jovens, apresentou-se "muito contente" por poder vir a representar a equipa das 'quinas' pela primeira vez ao mais alto nível, porém revelou "algumas dificuldades para entender" o que o selecionador Francisco Neto lhe pede, uma vez que não domina a língua portuguesa.

A representar as cores dos franceses do Grenoble Foot 38, Sarah reconheceu, tal como Jassie, a "progressão" de Portugal nos últimos anos, salientando que existe qualidade e capacidade para "voltar a atingir um grande um objetivo" como aconteceu com a presença na fase final do Euro2017, na Holanda.

As 21 atletas convocadas têm agendado para sábado e 19 de setembro um duplo compromisso de caráter particular com a Finlândia, o primeiro no Estádio Municipal de Arouca, pelas 16 horas, e o segundo no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira, pelas 15 horas.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Seleção Feminina

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.