Avaliação continua

Mais um jogo para o técnico observar a resposta de elementos da segunda linha

• Foto: Miguel Barreira

Portugal derrotou de forma clara (3-0) a ‘mundialista’ Arábia Saudita em Viseu e hoje, agora em Leiria, é igualmente favorito para levar de vencida os Estados Unidos, equipa que com surpresa falhou a qualificação para o Mundial da Rússia do próximo ano e que, por isso mesmo, surge entre nós com um conjunto renovado, à procura de experiência internacional.

Ganhar, como sempre faz questão de realçar Fernando Santos, é um objetivo constante de uma formação de topo, atual quarta colocada no ranking mundial. Mas, se essa vertente jamais pode ser menosprezada, todos sabemos que, logo mais, o selecionador estará igualmente interessado em ver a capacidade de resposta de alguns elementos que só agora mereceram a convocação (ou que estavam há muito ausentes) ou de outros que, embora mais assíduos nas listas do treinador, poucas hipóteses têm tido de jogar.

Dito de outra forma, o embate desta noite constitui o segundo exame em poucos dias para vários elementos da chamada segunda linha da Seleção. Embora Fernando Santos faça questão de salientar que confia em todos – diz mesmo que há cerca de 40 jogadores com reais condições de marcar presença no Campeonato do Mundo –, uns estarão obviamente mais perto de concretizar o objetivo.

Manuel Fernandes e Gonçalo Guedes – pelo golos apontados e não só – foram dois dos destaques perante a Arábia Saudita e tudo aponta no sentido de hoje voltarem a ter oportunidade de marcar mais pontos junto do selecionador. Mas, naturalmente, não serão os únicos. Resta saber quem será capaz de responder afirmativamente. A avaliação é contínua, mas até ao Mundial será... curta.

Quatro à espera de estreia

José Sá, Ricardo Ferreira, Rony Lopes e Gonçalo Paciência esperam que o dia 14 de novembro de 2017 seja uma data marcante no respetivo trajeto futebolístico, já que todos eles desejam que seja hoje que se estreiam ao serviço da principal Seleção Nacional. De recordar que, em Viseu, na partida com a Arábia Saudita, Fernando Santos concedeu esse privilégio a Edgar Ié, Kévin Rodrigues, Bruno Fernandes e Bruma. Hoje, poderá aproveitar este encontro para repetir a ‘dose’ e tornar mais 4 jogadores internacionais.

Por Luís Avelãs
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Seleções

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0