Gelson ficou "orgulhoso" mas já estava à espera de ser chamado à Seleção

Jovem leão disse que tem trabalhado para isso

• Foto: EPA

O extremo Gelson Martins mostrou-se esta terça-feira "muito orgulhoso" por ter sido chamado pela primeira vez aos trabalhos da Seleção Nacional, mas admitiu que não ficou surpreendido por entrar nas escolhas de Fernando Santos.

"Admito que estava à espera, porque trabalhei para isso. Trabalhei para seguir o meu sonho e chegar à seleção nacional. Aconteceu rápido", afirmou Gelson Martins, em conferência de imprensa.

O extremo do Sporting falava aos jornalistas minutos antes do primeiro treino de Portugal na Cidade do Futebol, em Oeiras, de preparação para a dupla jornada com Andorra e Ilhas Faroé, do Grupo B da zona europeia de qualificação para o Mundial2018.

"Recebi a notícia de uma forma especial. Estou muito orgulhoso por ter sido aposta nos convocados. A minha família também ficou muito contente. É um sonho de miúdo. Já visto a camisola de Portugal desde os sub-18", disse o jogador, de 21 anos.

Gelson contou que foi muito bem recebido pelo grupo e pelo capitão Cristiano Ronaldo e só pensa "trabalhar nos treinos" para ganhar ainda mais a confiança do selecionador Fernando Santos.

"Quero fazer aquilo que estou a fazer no clube e contribuir da melhor maneira para a seleção. Sou mais um para ajudar, jogando ou não. Quero treinar bem e depois o treinador decidirá. Os jogadores que ele escolher para jogar de certeza que vão dar resposta", referiu.

Apesar de ter nascido em Cabo Verde, o jogador do Sporting considerou que "é natural" ter escolhido representar a seleção portuguesa, algo que já faz desde os 17 anos.

"Portugal tem agora dois jogos difíceis e é nisso que estou focado. São dois jogos para ganhar contra equipas que jogam com um bloco muito baixo", frisou.

Questionado sobre um possível interesse do Barcelona na sua contratação já na reabertura do mercado de transferências, em janeiro, Gelson 'fugiu' à pergunta e lembrou apenas que tem contrato com o Sporting até 2021.

"Não penso nisso. Não consigo responder a essa questão", disse.

Os 23 convocados da seleção nacional concentraram-se na noite de segunda-feira numa unidade hoteleira de Linda-a-Velha, em que vão permanecer até quinta-feira, dia em que a comitiva lusa viaja para Aveiro. No dia seguinte, Portugal recebe Andorra, na segunda jornada do Grupo B.

No dia 10 de outubro, os atuais campeões europeus visitam as Ilhas Faroé.

Portugal iniciou a qualificação para a fase final do Campeonato do Mundo de 2018, que realizar-se na Rússia, com uma derrota frente à Suíça, por 2-0, em Basileia.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Seleções

Notícias

Notícias Mais Vistas