Moutinho sabe que "ninguém é invencível" mas há forma de mudar a regra

'Mandamentos' de Fernando Santos dão resultados

• Foto: Miguel Barreira

Mais cedo ou mais tarde, equipa que ganha... também perde. É uma verdade mundial e João Moutinho sabe-a na pota da língua, mas, ainda assim, há formas e formas de ultrapassar essa questão.

"Ninguém é invencível, mas se mantivermos a postura que temos desde que o mister Fernando Santos assumiu a Seleção será difícil alguma equipa nos bater. Temos de continuar com o mesmo querer e vontade dentro de campo porque, sem isso e com as outras equipas ainda mais motivadas agora por quererem bater os campeões europeus, seria difícil. Mantemos a mesma vontade com a mesma ambição de poder ganhar. E é essa também a mensagem que o mister tem vindo a dar desde que chegou: trabalhar com ambição e concentração, senão qualquer equipa nos pode bater", afirmou o médio do Monaco, este domingo, em conferência de imprensa.

João Moutinho reconhece que não há invencíveis


Moutinho reconheceu que a conquista do Euro'2016 não trouxe mais responsabilidade à equipa das quinas - "sempre a tivemos e vamos ter", sublinhou -, assumindo que a ambição e a vontade se mantêm inalteradas.

"Vamos continuar a dar o máximo como fazíamos antes de sermos campeões. A ambição, o querer e a vontade vão continuar a ser os mesmos. O título é bom para nós e para o país, mas isso não altera em nada a nossa filosofia e o que tínhamos feito antes de ganharmos o Europeu. Vamos tentar o nosso objetivo que é qualificarmo-nos para o Mundial'2018 passandoem 1.º do grupo".

Por Sofia Lobato
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Seleções

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.