Rui Jorge: «Dignificar o país, como temos feito»

Selecionador olímpico recusa-se a falar em abstrato dos adversários

• Foto: Lusa

Rui Jorge considerou esta quinta-feira que Portugal é candidato a "dignificar o país" nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016, escusando-se a aprofundar comentários sobre o sorteio dos grupos.

"Perante o desconhecido, é indiferente e infundado fazer qualquer tipo de avaliação. Portugal é candidato ao mesmo de sempre - dignificar o país, os jogadores e o 'staff'. Dignificar o país como o temos feito até aqui. É esse o nosso grande objetivo, fazer o que está ao nosso alcance para o melhor desempenho", disse, citado no site oficial da FPF, em reação ao sorteio que colocou Argentina, Honduras e Argélia no Grupo D.

Com dois jogos a realizar no Rio de Janeiro, sede dos Jogos Olímpicos, a equipa de futebol de Portugal vai viver a "experiência inédita" de ficar alojada na aldeia olímpica, junto com os demais apurados.

"Acho que é uma coisa inédita, para Portugal. É a única situação anormal no meio do torneio de futebol. Foi estipulado que é assim, com tudo o que isso pode acarretar. Vamos ver a logística, que não é normal para as equipas de futebol", avisou.

Portugal vai estrear-se a 4 de agosto, frente à Argentina, no Estádio Olímpico, no Rio de Janeiro; seguindo-se dia 7, o desafio com as Honduras, no mesmo palco. A fase de grupos termina a 10, frente à Argélia, no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

As duas primeiras classificadas de cada grupo avançam para os quartos-de-final.

O torneio de futebol masculino será disputado entre 0 e 20 de agosto.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Seleções

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.