Tomás Podstawski: «Só contam os que estão cá»

Médio destaca orgulho de representar Portugal

• Foto: Vítor Neno

Não há como fugir. O facto de Rui Jorge ter tido muitas dificuldades em garantir 18 jogadores para os Jogos Olímpicos é uma questão recorrente nas conferências de imprensa dos jogadores, tal como aconteceu com Tomás Podstawski. No entanto, o médio do FC Porto está pouco preocupado.

"É um assunto delicado e há pessoas mais indicadas do que eu para comentar. É delicado para a seleção e para os clubes, que têm o direito de não ceder jogadores. Mas só contam os que estão cá, que vão dar o seu melhor. Este é um grupo com capacidade de mostrar qualidade nos Jogos", explicou.

Para já, Tomás salienta a importância de integrar todos os jogadores. "A maior dificuldade é ter entrosamento. Queremos reforçar a união e trabalhar isso. Mas fora de campo, nas refeições, temos visto um grupo confiante, que se dá muito bem. Há muitos amigos aqui", atirou.

Além de explicar que é um "sonho representar Portugal nos Jogos Olímpicos", Tomás garante ambição para a fase final, onde Argentina, Honduras e Argélia são os primeiros adversários. "Vamos pensar jogo a jogo e logo se vê. É único estar aqui. Há muitos que queriam estar cá. Vai haver sempre pressão. Foi difícil chegar aqui e queremos continuar esse caminho", rematou.

Por Pedro Gonçalo Pinto
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Seleções

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.