Hélio Sousa destaca capacidade emocional da equipa

Selecionador de sub-19 feliz com apuramento para ronda de elite

• Foto: Vítor Neno
Hélio Sousa considerou fundamental a capacidade emocional no triunfo 2-1 sobre a Dinamarca, que apurou Portugal esta terça-feira para a ronda de elite de qualificação para o Europeu de 2017 de sub-19.

"Conseguimos ser fortes emocionalmente com a adversidade do jogo e a desvantagem. Conseguimos ser fortes nessa gestão emocional do encontro. Procurámos o resultado, mas foi extremamente difícil superar todas as dificuldades", admitiu o selecionador português após o desafio realizado em Stara Zagora, na Bulgária.

Tiago Dias (79'), na marcação de um penálti, e Miguel Luís (88') viraram o resultado, depois de Ramkilde (50) ter colocado os dinamarqueses em vantagem. "Tanto procurámos e porfiámos que conseguimos a vitória com todo o mérito perante uma equipa também fortíssima e igualmente com todas as condições para se apurar, num dos grupos mais fortes desta primeira fase", sublinhou Hélio Sousa. 

A Seleção Nacional, que em 2014 foi finalista vencida do Europeu de sub-19 e este ano atingiu as meias-finais, estava obrigada a vencer a Dinamarca para se apurar, conseguindo esse objetivo a muito custo, apesar de ter evidenciado maior ascendente.

"Sabíamos do que necessitávamos neste jogo. O que procuramos em todos, que é vencer. Este era mais decisivo, o último obstáculo para o que pretendíamos, o apuramento", sintetizou o técnico, frisando que a sua equipa foi "forte todo o jogo, tirando um momento do esquema tático defensivo", do qual resultou o golo da Dinamarca.

"Tínhamos controlado toda a primeira parte e criámos as melhores situações para estar na frente e não permitimos situações de perigo ao adversário. Esse momento mau foi penalizante, ficamos atrás no resultado, mas fomos fortes, crescemos em toda esta competição e neste jogo e fomos à procura do resultado que nos dava o apuramento e conseguimos", congratulou-se.

O selecionador considerou o êxito "importantíssimo", mesmo que tenha sido conseguido "no limite".
Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Sub19

Notícias

Notícias Mais Vistas