Três estreantes absolutos na convocatória de Rui Jorge

As caras novas são Daniel Podence, Domingos Duarte e Pedro Empis

• Foto: Simão Freitas

Daniel Podence, Domingos Duarte e Pedro Empis são as três caras novas na convocatória de Rui Jorge para os embates com a Hungria (6 de outubro) e Liechtenstein (11 de outubro), de qualificação para o Campeonato da Europa do próximo ano, no qual Portugal joga, acima de tudo, o seu prestígio de vice-campeão europeu.

Os três jogadores, com ligação ao Sporting, embora os dois primeiros representem, esta época, Moreirense e Belenenses, respetivamente, não têm qualquer internacionalização na categoria sub-21, nem sequer fizeram parte das escolhas do selecionador nacional nesta fase de qualificação. Poderão ter agora a primeira oportunidade de tentar convencer Rui Jorge de que dispõem de condições para ajudar Portugal na fase final do Europeu de 2017, na Polónia.

Na convocatória divulgada esta quinta-feira os principais ausentes são os portistas Tomás Podstawski e Gonçalo Paciência e o sportinguista Iuri Medeiros (convocados para os últimos 7 jogos da seleção de sub-21) e o belenense Yuri Ribeiro (titular absoluto nos recentes confrontos com Israel e Grécia).

De fora ficam igualmente Gelson Martins, João Cancelo e André Silva, futebolistas que iniciaram com Rui Jorge esta fase de apuramento, mas que, entretanto, foram 'roubados' por Fernando Santos para a seleção principal.

Regressos

Conforme o selecionador nacional de sub-21 reconheceu na conferência de imprensa de divulgação dos 23 convocados para os confrontos com Hungria e Liechtenstein, com a qualificação para o Campeonato da Europa 'no bolso', esta será igualmente uma oportunidade para alguns jogadores regressarem a um 'espaço' onde não são vistos há já algum tempo.

São os casos do guarda-redes do V. Setúbal, Bruno Varela, chamado pela última vez a 24 de março, para o embate com o Liechstentein, em casa, precisamente o mesmo encontro que contou com as participações de Rony Lopes e Bruma, que agora regressam aos eleitos de Rui Jorge.

Estas duas partidas de menor exigência competitiva - seguramente, o selecionador nacional não quererá que os seus jogadores pensem desta forma - poderá servir para que futebolistas como André Moreira, Miguel Silva, Pedro Rebocho, Francisco Geraldes ou Simão Azevedo possam contabilizar os primeiros minutos nos sub-21, após diversas chamadas em que não chegaram a pisar o relvado ou sequer a sentar-se no banco de suplentes.

Por João Lopes
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sub21

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.