C•Studio
Saiba Mais

C•Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do universo Cofina.
Aqui as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Agenda desportiva: jogos escaldantes tomam conta da Premier League

A nossa atenção está agora em Inglaterra. O Arsenal vai tentar que os adeptos continuem a confiar no processo, ante o Manchester City. Chelsea e Liverpool têm encontro escaldante em Stamford Bridge. Há ainda embate de portugueses no Manchester United-Wolverhampton.

Época de festas, inverno e muitas paragens nas Ligas europeias, mas por Portugal e por Inglaterra não há descanso. Já esta quinta-feira temos segundo clássico entre FC Porto e Benfica no Estádio do Dragão, e resta saber se os azuis e brancos vão mostrar mais uma vez a superioridade patenteada na Taça ou se os encarnados reagem e invertem a tendência.

A nossa atenção foca-se também em Inglaterra, com alguns jogos de grande interesse. O Arsenal vai tentar que os seus adeptos continuem a confiar no processo, ante o Manchester City; Chelsea e Liverpool têm encontro escaldante em Stamford Bridge; e há embate de portugueses no Manchester United-Wolverhampton. Na NBA, os Chicago Bulls, afetados fortemente pela covid-19, vão tentar manter a boa forma em Washington. Será que conseguem enganar o “bicho”?



Liga portuguesa: segundo “round” para festim do dragão?

Quinta-feira, 30 de Dezembro, 21h00




Este clássico da 16ª jornada da Liga portuguesa não pode ser dissociado do embate da última quinta-feira a contar para a Taça de Portugal. Há muito não víamos um jogo tão desequilibrado entre as duas equipas, em especial na primeira parte, e o Porto mostrou estar uns degraus acima do Benfica em termos competitivos. Além desse facto, e de questões psicológicas que terão peso, certamente, no reencontro desta quinta-feira, acrescentam as ausências de Darwin, Otamendi e Grimaldo na equipa benfiquista.

Por outro lado, o Porto tem mostrado grande competência nas transições rápidas e vai ter pela frente uma águia com menos quatro pontos e, certamente, apostada em atacar desde o início, subindo as suas linhas. Perante este cenário, bem como o histórico recente entre as duas equipas – o Porto não perde com o Benfica há sete partidas e os encarnados só por uma vez venceram no Dragão -, não podemos fugir ao favoritismo portista, que beneficia de uma excelente odd.

Liga Portuguesa
30 de dezembro
FC Porto vs SL Benfica
Estas odds podem sofrer alterações. Encontre odds actualizadas em tempo real no site Solverde.pt



Premier League: processo em vias de ser interrompido

Sábado, 01 de Janeiro, 12h30




“Trust the process” foi a ideia adotada para tentar convencer os adeptos do Arsenal dos méritos do treinador espanhol Mikel Arteta. Uma filosofia que levou muitos ao desespero, mas a verdade é que, sensivelmente a meio da época da Premier League, o Arsenal deixou de ser alvo do humor rival para passar a ser respeitado, ocupando o quarto lugar, embora a inalcançáveis 12 pontos do seu próximo adversário, o Manchester City. É caso para dizer que a boa forma dos Gunners tem tudo para levar um abanão na receção ao campeão, líder destacado com um dos melhores ataques e a melhor defesa da competição. O City é amplamente favorito num jogo que pode acabar facilmente com mais de 2,5 golos, quase todos para o mesmo lado – é que o City é a equipa que menos remates (6,7) e menos disparos na sua área (4,3) permite na Liga inglesa.

Premier League
01 de janeiro
Arsenal vs Manchester City
Estas odds podem sofrer alterações. Encontre odds actualizadas em tempo real no site Solverde.pt



Premier League: defesa de ferro contra ataque demolidor

Domingo, 02 de Janeiro, 16h30




O campeão europeu Chelsea começou a época em grande forma, mas nos últimos tempos tem sentido um abrandamento nos bons resultados, em parte devido a muitas ausências por lesão. A vitória por 3-1 na casa do Aston Villa foi mais difícil do que os números demonstram e agora os Blues recebem o poderoso Liverpool. Prognósticos “só no fim do jogo”, uma vez que nas seis últimas receções dos londrinos aos Reds houve um empate e duas vitórias para cada lado. O Chelsea é a segunda melhor defesa da Liga inglesa, mas tal não assusta o Liverpool, que é o melhor ataque. A probabilidade de ambas marcarem é elevada e é essa a nossa dica, num embate que, nos últimos cinco jogos, só por uma vez teve mais de 2,5 golos.

Premier League
02 de janeiro
Chelsea vs Liverpool
Estas odds podem sofrer alterações. Encontre odds actualizadas em tempo real no site Solverde.pt



Premier League: redes com dia potencialmente tranquilo

Segunda-feira, 03 de Janeiro, 17h30




Manchester United e Wolverhampton têm andado em trocas de posição na tabela e este jogo pode ajudar a definir melhor o papel de cada um na Premier League, ou a baralhar ainda mais as contas. Este será um encontro em que as cores lusitanas estarão representadas em força de um lado e do outro. Os Red Devils estão longe de ser a potência ofensiva que os nomes do seu plantel prometem. Ao mesmo tempo, o Wolves é a terceira melhor defesa do campeonato inglês (14) e tem menos um golo marcado do que os consentidos. O favoritismo é do United, mas tendo em conta as dificuldades que os de Manchester têm sentido perante defesas sólidas – os Lobos são a quarta equipa que menos remates permite – e o facto de os visitantes serem a formação com menos remates realizados em média na Liga (9,9), mais vale ir pelo seguro e apostar em poucos golos.

Premier League
03 de janeiro
Man. United vs Wolverhampton
Estas odds podem sofrer alterações. Encontre odds actualizadas em tempo real no site Solverde.pt




A não perder! Bulls querem pegar covid “pelos cornos”

Esteja atento às apostas desportivas Solverde.pt e a mais um jogo quente NBA


Washington Wizards vs Chicago Bulls

Domingo, 02 de Janeiro, 00h00


Esta parece fácil, mas tem uma nuance. Os Bulls estão a realizar uma excelente temporada até ao momento, aspirando mesmo à liderança da Conferência Este. Os Wizards vão alternando o excelente com o pobre, não se sabendo bem que cara irão mostrar nesta partida. Se se apresentarem com qualidade, os Bulls poderão sofrer a bom sofrer, uma vez que estão a contas com muitos casos de covid-19. Ainda assim, esse facto não os tem impedido de vencer com maior ou menor dificuldade, mesmo quando não tiveram o seu treinador, Billy Donovan – também infetado –, no banco. Cautelas então para esta partida, mas acreditamos que os homens de Chicago vão acabar por ditar a lei do mais forte.