Rocha e Valverde ficam com a coroa no Record Padel Challenge Sponsored By Intimissimi Uomo

Caiu o pano sobre a edição de 2022 no Rackets Pro, em Lisboa. Dupla venceu em M3

• Foto: Pedro Catarino

A coroa do Record Padel Challenge Sponsored By Intimissimi Uomo foi entregue a Alexandre Rocha e Vasco Valverde, a dupla que venceu em M3, a categoria mais elevada da prova. Os dois amigos que raramente jogam juntos, conforme confessaram ao nosso jornal, voltaram a passear classe no Rackets Pro, no Estádio Universitário de Lisboa, à semelhança do que tinham feito na terceira etapa.

Foi assim que caiu o pano deste evento de sucesso, com a consagração desta dupla que, além da coroa, levou a mala do carro repleta de prémios. É difícil elencar todos, é certo, mas destaque para o voucher de estadia de 6 noites para duas pessoas, num dos hotéis Vila Galé, para o voucher no valor de 300 euros para utilizar em qualquer loja Intimissimi Uomo e ainda um ano de assinatura digital Record e Jornal de Negócios. Valeu bem a pena.

Mas a emoção e entusiasmo foi transversal a todas as categorias, num dia em que foram consagradas outras cinco duplas, como pode ver no quadro ao lado. E a verdade é que todos elas foram premiadas como verdadeiros campeões.

Record Padel Challenge Sponsored By Intimissimi Uomo: as melhores imagens do Masters em Lisboa

Foi desta forma que chegou ao fim a segunda edição do Record Padel Challenge Sponsored By Intimissimi Uomo. Houve muito e bom padel ao longo das cinco etapas, mas este evento pode gabar-se de ser muito mais do que isso. Os graúdos competiram com muito fair-play e entusiasmo dentro dos campos, mas fora deles o convívio foi a nota de destaque. Houve inúmeras atividades que fizeram as delicias dos mais novos. Já para não falar dos tradicionais comes e bebes. Um evento de sucesso que vai deixar muitas saudades.

Voltar para encher a... prateleira

Record Padel Challenge Sponsored By Intimissimi Uomo edição 2022 fechou com chave de ouro: as imagens do último dia

O sorriso de quem vence é sempre reluzente, seja em que categoria for. Ainda ‘inundados’ por inúmeras gotas de suor, fruto do muito calor que se fez sentir na capital portuguesa, a dupla consagrada em M3 distribuiu elogios à organização e já mira o troféu... das próximas edições. "Vou pôr o galardão numa prateleira. O objetivo é virmos cá todos os anos para enchermos a prateleira. Já vou desistir do meu trabalho para vir aqui ganhar troféus", disse, entre risos, Vasco Valverde. Já o parceiro Alexandre Rocha foi mais contido: "Esta vitória é a cereja no topo do bolo."

Ainda assim, Vasco Mensurado e Bernardo Moita, vencedores em M4, abriram as hostilidades no que diz respeitos à entrega de troféus. O primeiro destacou o cariz social da iniciativa, enquanto Bernardo sublinhou, sem reservas, que irá voltar no próximo ano para disputar... outra final. "Cá nos encontraremos na final", afirmou, em tom de brincadeira. A última final do dia foi a M5, que acabou por sorrir à dupla composta pelos ‘envergonhados’ Nuno Ramos e José Barbosa, que confessam ter mais dificuldade em falar do que jogar. "Demos o que tínhamos. Vamos procurar evoluir para regressarmos mais fortes e competir nos níveis mais difíceis", disse José Barbosa.

Por Daniel Lopes Monteiro
1
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Record Padel Challenge

Notícias