A desilusão de Luís Castro: «O mundo do futebol está estranho»

Treinador do Shakhtar revela que três dos seus jogadores tiveram problemas pulmonares após contraírem Covid-19

• Foto: Reuters

Luís Castro considera que as pessoas não estão devidamente alertadas para o perigo da Covid-19 e que tem existido mesmo algum desleixo ao nível da proteção. E lembrou que ninguém está livre de ter problemas de saúde devido ao vírus, dando como exemplo os jogadores de futebol, em teoria com fortes sistemas imunitários.

"As pessoas no Mundo não estão a respeitar este vírus perigoso. Quando olho para os meus jogadores e vejo que três tiveram problemas pulmonares e um teve problemas de coração, percebi a dimensão do que se estava a passar no Mundo. Jogadores com 20 e tal anos e isto ter acontecido, fez-me tomar consciência dos perigos. Quando é ao nosso lado ficamos sensíveis", contou o treinador do Shakhtar Donetsk, na antevisão ao jogo com o Borussia M'Gladbach, da Liga dos Campeões.

Nesse sentido, Luís Castro fez uma comparação entre o futebol e o resto dos eventos sociais ou culturais: "As pessoas continuam a agir com se não houvesse vírus, daí não haver público nos estádios. Mas vejo autocarros cheios, pessoas sem máscara, espectáculos com pessoas, mas as pessoas têm feito pouco para voltar aos estádios em segurança. O futebol está estanho e o Mundo do futebol também está estranho."

Por Rafael Godinho
5
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.