Klopp: «Podiam escrever um livro sobre as minhas meias-finais... mas ninguém o iria ler»

Treinador alemão puxou do bom humor para responder a Pochettino

• Foto: Reuters

Na sua antevisão à final da Liga dos Campeões, Mauricio Pochettino elogiou Jürgen Klopp, mas deixou um apontamento curioso, ao admitir que o técnico do Liverpool é um treinador algo azarado na hora das decisões. Confrontado com essa opinião, o alemão dos reds não a 'apoiou' e até puxou do seu humor para refutar a ideia do argentino.

"Não me parece que tenha tido azar na minha carreira. O meu problema é que, desde 2012, excetuando 2017, estive sempre com a minha equipa em finais. Às vezes chegamos com sorte, noutras não. Nos últimos sete anos fui o recordista de meias-finais ganhas. Podiam escrever um livro sobre iso... mas ninguém o iria ler", atirou, entre risos, o treinador alemão, para quem toda essa questão... não importa.

"Sou um ser humano, se penso que sou o motivo e que tudo gira em torno disso, provavelmente iria ver-me como um perdedor e aí tudo seria um problema. É verdade que nunca estivemos do lado dos vencedores, mas para se ter sorte há que trabalhar. Não tive uma carreira azarada...", frisou.

Finalista do ano passado, Klopp assegura que a equipa cresceu desde então. "Aprendem-se coisas distintas... Nessa final foram marcados três golos esquisitos, que normalmente não sofremos. Há que aceitar e voltar a casa. Não podemos aproveitar muito o que aconteceu no ano passado. Mas em comparação esta equipa é mais madura", garantiu.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.