Roma condena "comportamento aberrante" que deixou irlandês em estado crítico em Liverpool

Clube italiano está a cooperar nas investigações

A carregar o vídeo ...
Confusão Liverpool-Roma

"A Roma condena veementemente o comportamento aberrante de uma pequena minoria de adeptos que se envolveram em confrontos com adeptos do Liverpool antes do jogo de ontem. Causaram vergonha ao clube e à grande maioria dos romanos que tiveram uma conduta exemplar em Anfield. Não há lugar para esse comportamento vil no mundo do futebol", informou, em comunicado, o clube italiano que se ofereceu para colaborar com o Liverpool, a UEFA e as autoridades na investigação do caso.

Na terça-feira, a polícia de Merseyside deteve dois adeptos da Roma por suspeita de tentativa de homicídio. O homem de origem irlandesa, com 53 anos, agredido na cabeça encontra-se no hospital em estado crítico.

Também já o Liverpool tinha, esta quarta-feira, repudiado os atos de violência que antecederam o jogo da 1.ª mão das meias-finais da Liga dos Campeões

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas