Sulejmani em grande ajuda a afastar Paulo Fonseca

Shakhtar Donetsk caiu na 3.ª pré-eliminatória aos pés do Young Boys

• Foto: epa

O Young Boys provocou uma das maiores surpresas da noite de Liga dos Campeões, ao bater o Shakhtar Donetsk por 2-0 e, no desempate por penáltis, afastar a formação ucraniana, comandada por Paulo Fonseca, nesta 3.ª pré-eliminatória.

A necessitar de recuperar de uma desvantagem de dois golos que trazia da primeira mão, a turma helvética fez o seu papel à entrada para a segunda metade, com dois golos no espaço de seis minutos, ambos marcados pelo japonês Yuya Kubo e ambos com contribuição decisiva de Miralem Sulejmani. O primeiro, apontado aos 54', surge de um cruzamento na esquerda do ex-Benfica, ao passo que o segundo nasce de uma arrancada endiabrada do sérvio, tendo depois Hoarau servido Kubo para o 2-0.

Depois, o tempo extra nada mudou e o encontro foi para penáltis. Aí, a frieza suíça fez a sua parte. Hadergjonaj ainda falhou para os helvéticos, mas do lado contrário despediçaram Fred e Rakitskiy, ditando assim o adeus precoce de Paulo Fonseca à prova máxima de clubes da Europa.

Por Fábio Lima
5
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas