UEFA abre inquérito disciplinar à Roma por incidentes no jogo com o Liverpool

Reds também podem ser alvo de punição por parte do organismo europeu

• Foto: Reuters

A UEFA anunciou esta sexta-feira a abertura de um inquérito disciplinar à Roma, por incidentes verificados na receção ao Liverpool (4-2), para a Liga dos Campeões, em jogo que ditou o apuramento dos ingleses para a final.

A Comissão de Controle, Ética e Disciplina da UEFA analisará o caso a 31 de maio, no qual responsabiliza o clube italiano de conduta imprópria do seu presidente, James Pallotta, além do uso de artefactos pirotécnicos, obstrução de escadas e organização insuficiente.

Estes factos, verificados no jogo de quarta-feira, violam os regulamentos disciplinares, de segurança e de infraestruturas da UEFA, conforme indica o organismo que tutela o futebol europeu na nota da abertura do inquérito disciplinar à Roma.

Além das possíveis sanções contra os italianos da Roma, a comissão disciplinar da UEFA analisará também uma provável punição para os ingleses do Liverpool, pelo arremesso de artefactos pirotécnicos durante o mesmo jogo.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.