UEFA confirma porta fechada no Legia-Real Madrid

Os polacos tinham recorrido de uma primeira decisão que já apontava no mesmo sentido

Festa foi bonita, mas saiu cara ao clube polaco
• Foto: Reuters

A UEFA confirmou esta quarta-feira que o Legia de Varsóvia jogará à porta fechada na receção ao Real Madrid, na 4.ª jornada da fase de grupos Liga dos Campeões, depois de recusar o recurso apresentado pelo clube polaco.

Em função dos "incidentes racistas", do "uso de material pirotécnico" e do "arremesso de projéteis" por parte dos adeptos polacos na derrota do Legia (0-6), frente ao Borussia Dortmund, a 14 de setembro, a UEFA puniu os polacos com a disputa de um jogo sem adeptos nas bancadas.

O campeão polaco recorreu de imediato da pena aplicada pela Comissão de Controlo e Disciplina, mas viu o seu pedido rejeitado pela instância de recurso, que confirmou o castigo e uma multa de 80.000 euros.

O Legia de Varsóvia ocupa o último lugar do Grupo F, depois de duas derrotas perante o Borussia e o Sporting. Na próxima terça-feira joga no terreno do Real Madrid, antes de receber os espanhóis na 4.ª jornada, a 2 de novembro, à porta fechada.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0