Record

Dança das cadeiras

Sete portugueses a atuar em equipas estrangeiras tentam hoje qualificar-se para os 16 avos-de-final

• Foto: Getty Images
A última jornada da fase de grupos da Liga Europa vai decidir o destino de sete portugueses a atuar em equipas estrangeiras. Neste momento, existem 17 candidatos para as 8 vagas ainda por preencher nos 16 avos-de-final.

Respeitando o abecedário, a análise inicia-se obviamente pelo Grupo A. O Slavia Praga de Danny recebe o Astana, bastando-lhe um empate para aceder à fase seguinte da prova. Mesmo que ganhe não consegue ultrapassar o Villarreal de Rúben Semedo. A seguir vem o Grupo D, onde ao AEK Atenas de Hélder Lopes e André Simões basta um empate, fora diante do Áustria Viena, para se qualificar. O Milan de André Silva (convocado para o duelo com o Rijeka) já não pode ser desalojado do topo!

O Grupo F tem três portugueses em ação, se bem que um deles exiba hoje em dia passaporte grego. O Lokomotiv Moscovo de Manuel Fernandes e Eder visita o Zlin. Apura-se se ganhar ou se o Copenhaga do ‘helénico’ Zeca não vencer em casa o Sheriff, atual líder.

O Colónia de João Queirós defronta o Estrela Vermelha, qualificando-se se sair de Belgrado com uma vitória. O todo-poderoso Arsenal já sabe há vários dias que ninguém o pode tirar do trono do Grupo H. Finalmente, o Grupo I envolve alguns portugueses, embora apenas um atue numa equipa estrangeira. Trata-se de Rolando, central do Marselha. A formação francesa recebe o Salzburgo, nem mais nem menos do que o vencedor da poule. Para seguir em frente basta-lhe empatar ou... que o outro jogo termine empatado. E qual é o outro jogo? É o V. Guimarães-Konyaspor! O Marselha leva vantagem no mano a mano com o Konyaspor, mas está em desvantagem no frente a frente com o V. Guimarães.
Por Nuno Pombo
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga Europa

Notícias

Notícias Mais Vistas