Derrota caseira dita eliminação de Bruno Baltazar

Técnico português viu o AEL tombar (1-2) diante do Austria Viena

• Foto: Filipe Farinha

Depois de um nulo na 1.ª mão, em Viena, o AEL Limassol não conseguiu evitar a eliminação da Liga Europa ao perder em casa (1-2) com o Austria Viena na 2.ª mão da 3.ª pré-eliminatória da prova. A equipa orientada pelo técnico português Bruno Baltazar ficou reduzida a 10 unidades logo aos 27', por expulsão do angolano Marco Airosa, e isso acabou por ser decisivo no desfecho da partida.

Os austríacos colocaram-se em vantagem aos 34', por Holzhauser, que marcou de penálti. Depois, aos 61', o luso-guineense Aldair - antigo jogador do Penafiel e do Olhanense - ainda fez o empate, mas o brasileiro Felipe Pires garantiu o triunfo visitante aos 90'.

Refira-se que o jogo esteve interrompido durante 10 minutos. O árbitro, ao assinalar o penálti a favor dos austríacos, por falta que terá sido cometida fora da área, deixou os cipriotas revoltados. A equipa de arbitragem sentiu-se em perigo e deixou o relvado, tal como os jogadores do Austria Viena. Regressaram depois e o jogo prosseguiu.

Quem também já se apurou para o playoff da Liga Europa foi o Suduva, da Lituânia, graças ao empate (1-1) na Suíça, frente ao Sion, no outro encontro desta quarta-feira. Após ter ganho na 1.ª mão por 3-0, a equipa visitante resistiu aos helvéticos, que marcaram por Moussa Konaté (55'), antes de Vezevicius fazer a igualdade aos 80'.

Veja os resultados e marcadores da Liga Europa

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga Europa

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.