Treinador do D. Zagreb sabe como vencer Benfica: foco, boa defesa e um telefonema a Niko Kovac

Nenad Bjelica antevê uma eliminatória difícil mas acredita que pode levar a sua equipa aos quartos-de-final

• Foto: EPA

Nenad Bjelica, treinador do Dínamo Zagreb, já reagiu ao sorteio da Liga Europa e considera que o Benfica é um "adversário muito difícil".

"É um dos mais difíceis, juntamente com o Inter, o Nápoles, o Arsenal, o Chelsea... Teria sido bom evitá-los, mas nós vamos estar preparados. O primeiro jogo será em Zagreb, esperamos ter o estádio cheio; já mostrámos o que podemos fazer com a ajuda dos nossos adeptos. Precisamos de alcançar o melhor resultado possível e ir para a segunda mão com otimismo", considerou o técnico, ao site do clube.

Bjelica, de 47 anos, não tem visto muitos jogos dos encarnados esta época. "O Benfica é um gigante do futebol europeu e está há anos no topo do futebol português. Parece-me que vi um jogo deles na qualificação para a Liga dos Campeões. São rápidos e 'chatos', certamente será difícil mas acreditamos que temos hipóteses. Vamos fazer dois jogos de qualidade, onde daremos o nosso melhor."

O treinador reconhece que não tem grande experiência frente a equipas portuguesas. "Joguei contra o FC Porto quando era treinador na Áustria", lembrou, frisando que será importante conseguir um bom resultado em casa. "Precisamos de dar o máximo e depois garantir o apuramento em Lisboa."

Preparar os jogadores para esses dois jogos com os encarnados não será difícil."Estaremos altamente focados e motivados. Sabemos como lidar com estes adversários, defrontámo-los nas qualificações. Com uma boa defesa pode-se fazer frente a estas equipas."

Bjelica não conhece Filip Krovinovic, médio croata do Benfica. "Não conheço bem o jogo dele. Sei que jogou muito bem num clube de menor dimensão em Portugal e que merecia ir para o Benfica. Este clube tem jogadores de muita qualidade e não se pode ganhar lá se não se tiver também muita qualidade."

A estratégia já está definida. "A cada quatro dias mudamos o nosso estilo de jogo. No campeonato jogamos com mais posse de bola, na Europa damos mais posse ao adversário. Temos qualidade para lutar com o Benfica e saberemos responder ao estilo de jogo deles. Acredito nisso."

O treinador adiantou ainda que vai telefonar a Niko Kovac, treinador do Bayern Munique (adversário do Benfica na fase de grupos da Liga dos Campeões) a pedir informações sobre a equipa portuguesa.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga Europa

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.