Record

Rui Jorge: «Se apenas conseguirmos demonstrar isto...»

Selecionador descontente com derrota na Bósnia, a primeira em seis anos em fases de apuramento

• Foto: Paulo Calado
Rui Jorge, selecionador sub-21 de Portugal, analisou a derrota desta terça-feira diante da Bósnia, admitindo que a sua equipa não conseguiu demonstrar a qualidade que tem.

"Acho que temos qualidade suficiente para vencer esta equipa da Bósnia, mas era preciso estarmos ao melhor nível e claramente não estivemos, não conseguimos demonstrar qualidade. É um grupo novo agora como foi um grupo novo antes. Se queremos ir para outros patamares, temos obrigação de fazer melhor, e se conseguirmos apenas demonstrar isto, não os atingiremos", frisou o selecionador.

Questionado sobre se Portugal ficou surpreendido com a qualidade do adversário, Rui Jorge lembrou que a caminhada rumo ao Europeu não é fácil: "Pode não parecer, mas o apuramento para a fase final dos sub-21 é uma coisa muito, muito difícil. Os jogadores têm de ter essa consciência, acho que a têm, mas não há jogos que se ganham antes de começarem. É preciso vir e demonstrar que somos melhores, e não o conseguimos fazer aqui. Podemos fazê-lo no futuro se queremos outro tipo de resultados e de chegar à fase final. Acho que poderíamos e deveríamos agitar o jogo como estava, relativamente equilibrado, mesmo que não tivéssemos assim tanto perigo na nossa baliza. Para ganhar, precisávamos de outra dinâmica. O jogo não estava a ir para o lado que eu gostava e quis modificá-lo. Acabámos por não ganhar o jogo, mas a ideia foi dar outra dinâmica à equipa e criar mais oportunidades".

Apesar da derrota, o técnico salientou um aspeto positivo que retirou do encontro: "Unicamente a entrega dos jogadores. Não tenho muito a dizer em relação a isso, não foi por falta de empenho. Aquilo que nos faltou foi demonstrar a nossa qualidade enquanto equipa e a qualidade individual. Falhámos passes, tomámos más decisões, e quando se está a este nível paga-se caro".

Concluindo que "perder nunca é agradável", Rui Jorge desvalorizou o facto de esta ser a primeira derrota em seis anos na qualificação.

"Preocupa-me mais o resto. A nossa incapacidade em mostrar o que valemos. Quem cá veio ver o jogo não ficou com uma ideia errada daquilo que eu acho que é a qualidade da nossa equipa. Tambem o digo aos jogadores: não vale a pena falarmos e dizermos que temos qualidade se depois vimos para qualquer lugar e não o conseguimos demonstrar. O relvado estava bom e era uma das minahs preocupações. As equipas, quando jogam contra Portugal, é um jogo interessante para eles como deve ser para nós. A festa que fizeram lá dentro é elucidativa daquilo que pensavam de nós. Agora, a qualidade é que não conseguimos demonstrar", resumiu.
Por Flávio Miguel Silva e Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Europeu Sub 21

Notícias

Notícias Mais Vistas

M