Fernando Santos: «Cabeça lúcida para levar Portugal a vencer»

As diferenças entre o comentador do Euro'2004 e o selecionador do Euro'2016

• Foto: EPA

A pouco mais de 24 horas de disputar a sua primeira final europeia à frente da seleção portuguesa, Fernando Santos recordou onde estava no dia 4 de julho de 2004, quando Portugal, então treinado por Luiz Felipe Scolari, perdeu a final com a Grécia.

"Estava na antena 1, a comentar o jogo. Era um jogo de vital importância para nós, sofri muito, mas é diferente. É outra coisa estar no banco, o estado emocional é diferente", reconheceu o selecionador nacional, concretizando: "Tenho de ter a cabeça a funcionar, para encontrar as soluções certas.

Obviamente com o mesmo 'fanatismo', mas com a cabeça lúcida para levar Portugal a vencer."
Desafiado para deixar uma mensagem ao povo português, em véspera do encontro decisivo do Euro'2016, Fernando Santos pediu fé, crença e confiança no trabalho desenvolvido nos últimos 20 meses.

"Acreditem tanto como eu, os jogadores, o 'staff' e o presidente, que desde primeira hora acreditou e confiou. Está sempre ao nosso lado, sempre presente. Aqui há um grupo só, que tudo irá fazer para dar aqueles que estão lá [em Portugal], que estão cá [em França] e um pouco por esse mundo fora uma das maiores alegrias. É para isso que vamos trabalhar muito", prometeu o selecionador nacional.

Por João Lopes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Euro 2016

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.