Griezmann preocupa

Apontado como uma das figuras da prova, a luz da estrela francesa 'apagou-se' na estreia

• Foto: Reuters

Não há que contornar a questão: Antoine Griezmann esteve muito abaixo das expectativas no jogo inaugural do Europeu. Apontado com uma das principais estrelas da seleção francesa, o craque do Atlético Madrid durou apenas 66 minutos em campo, depois de realizar uma exibição pouca conseguida, fazendo soar os alarmes da imprensa gaulesa, que até já debate um cenário totalmente inesperado antes do início da competição: deverá Griezmann manter a titularidade, amanhã, frente à Albânia?

O jornal ‘L’Équipe’ coloca este tema em manchete, destacando que o atacante está a revelar uma estranha ansiedade, bem visível no duelo frente aos romenos. Uma das possíveis explicações para este rendimento irregular da estrela francesa é o desgaste físico. Feitas as contas, o atacante disputou 54 jogos esta temporada ao serviço dos colchoneros, tendo sido o último a incorporar os trabalhos da seleção orientada por Didier Deschamps. Pelos espanhóis, Griezmann totalizou cerca de 4.383 minutos e, de acordo com o jornal gaulês, a enorme exigência de Diego Simeone obrigou o avançado a chegar aos limites da sua condição física. Como curiosidade, apenas Martial, do Manchester United, efetuou mais partidas do que Griezmann (56).

Questionado pela imprensa, o desequilibrador mostrou-se tranquilo. "Estou bem fisicamente. Depois da final da Liga dos Campeões estava cansado e não tive muito tempo para recuperar. Estou a fazer tudo para voltar ao meu melhor", prometeu o futebolista, que também recebeu palavras de incentivo dos colegas. "Temos de ter calma e não fazer comentários precipitados. Só passou um jogo e o torneio é muito longo. Estas críticas não ajudam a tranquilizar o jogador", observou o experiente Evra.

Por Diogo Jesus
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Euro 2016

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.