Tecnologia da linha de golo aprovada

UEFA escolheu a tecnologia desenvolvida pela empresa Hawk-Eye

• Foto: Reuters

A UEFA escolheu a tecnologia da linha de golo desenvolvida pela empresa Hawk-Eye para equipar os dez estádios do Euro2016, em França, anunciou esta terça-feira o organismo que gere o futebol europeu.

A UEFA autorizou em janeiro a utilização da GLT (diminutivo do inglês 'goal-line technology', ou seja, tecnologia da linha de golo) que já tinha sido introduzida em 2012 pela FIFA, seguida por quatro dos principais campeonatos europeus, nomeadamente Inglaterra, Itália, Alemanha e França.

Esta tecnologia permite verificar, através de câmaras, se a bola realmente cruzou a linha de golo, ajuda que complementa o trabalho da equipa de arbitragem de cinco elementos já usada pela UEFA.

"A tecnologia da linha de golo e os árbitros [ao lado da baliza] complementam-se perfeitamente", disse Pierluigi Collina, responsável dos árbitros da UEFA.

A tecnologia desenvolvida pela Hawk-Eye também será usada na próxima Supertaça europeia, entre os vencedores da Liga dos Campeões e da Liga Europa, e nas próximas épocas da Liga dos Campeões, acrescentou a UEFA.

Pedro Proença, presidente da Liga de Clubes, também já admitiu a estreia nas novas tecnologias na final da Taça da Liga, recaindo a opção do organismo que superintende o futebol português sobre este sistema, que a UEFA vai utilizar no Euro'2016. 

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Euro 2016

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.