Costa Rica não quer 'espiões' na Rússia e constrói vedação de 4,5 metros de altura

Muro existente tinha dois metros e meio mas não convencia

A seleção da Costa Rica está a levar muito a sério a preparação do Mundial'2018 e todos os pormenores são tidos em atenção. Por exemplo, a Federação daquele país exigiu que a vedação do centro de treinos em São Petersburgo fosse mais alta, para evitar olhares indiscretos.

"A vedação que tem dois metros e meio. O que estamos a pedir são dois metros a mais. É um tipo de vedação diferente, com um material leve que deixe passar o vento. Conversámos com a organização, eles entenderam a nossa posição e prometeram resolver. Não é nada que tenha um custo elevado, é só uma questão de visibilidade, que nos deixa trabalhar um pouco mais tranquilos", referiu Sergio Hidalgo, vice-presidente da Federação da Costa Rica, em declarações divulgadas pelos meios daquele organismo

A seleção costa-riquenha está inserida no Grupo E, com Brasil, Sérvia e Suíça.
Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Mundial 2018

Notícias